Rodrigo Muniz tem 19 anos e foi destaque na base do Flamengo em 2020. (Divulgação/Coritiba)

Recém contratado pelo Coritiba e oficializado no BID na terça-feira (13), Rodrigo Muniz é mais uma opção no ataque de Jorginho. Optando por Gabriel na vaga, o treinador encomendou o jogador, que estava no Flamengo. A perspectiva é de que ele possa fazer dupla de ataque com Ricardo Oliveira, que apesar da qualidade, possui limitações pela idade.

Em entrevista ao canal do clube, Rodrigo contou como foi o contato do Coritiba para a sua contratação.

“O Jorginho me ligou, me chamando, falando da proposta do jogo. Eu achei bem legal, junto com a minha família e meus empresários, achei que esse seria um desafio novo. É sempre bom aceitar desafios novos. É uma chance de mostrar meu futebol, porque a base do Flamengo, ano passado a gente ganhou tudo, e agora é hora de selar isso, o Coritiba é um grande clube e tenho certeza que vou poder mostrar meu futebol”, afirmou Rodrigo Muniz.

Sobre seu companheiro de ataque, Ricardo Oliveira, Muniz disse que já tinha contato com ele antes, e que o experiente atacante poderá ser um professor dentro de campo. “Por incrível que pareça, ano passado eu mandei mensagem para ele e a gente conversou um pouquinho. Mas hoje quando eu cheguei aqui, bati de frente com ele, Ricardo Oliveira me deu as boas-vindas. Fiquei muito feliz e claro que vim pensando em aprender muito com ele.

Rodrigo Muniz tem 19 anos e fechou contrato com o Coritiba até fevereiro de 2021. Destaque das categorias de base do Flamengo, o atleta fez três partidas pelo profissional e teve um gol no Campeonato Carioca, diante do Volta Redonda.