Diretor foi liberado da internação na manhã desta terça-feira (24), mas ainda precisa de cuidados. (Reprodução/Coritiba)

Liberado da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Nossa Senhora das Graças, em Curitiba, há uma semana, o diretor de futebol do Coritiba, Paulo Pelaipe, ganhou alta da internação após se recuperar a infecção pelo novo coronavírus na manhã desta terça-feira (24).

O dirigente esteve internado desde o dia 12 de outubro, quatro dias depois o quadro de saúde de Pelaipe, que tem 69 anos e pertence ao grupo de risco, piorou e ele precisou ser sedado e entubado para receber auxílio mecânico para respirar. Após 31 dias internado na UTI, ele apresentou melhora e foi liberado para o quarto.

Com um vídeo publicado no canal oficial do Coritiba no twitter, equipe médica e funcionários comemoraram a recuperação e a liberação do dirigente, que recebeu aplausos e passou por um corredor cheio de placas de incentivos e paralelizações.

Após quase dois meses com a saúde debilitada o diretor de futebol reagiu aos tratamentos e a equipe do médico Infectologista, Eduardo Ditzel, liberou Paulo Pelaipe para retornar para casa. O diretor deve continuar em repouso e ainda não há uma previsão para que ele volte as atividades presenciais no clube Alviverde.