Coritiba está invicto jogando no Couto Pereira em 2020. (Geraldo Bubniak/AGB)

Esta é a 19ª final entre as equipes pelo Campeonato Paranaense, com nove títulos para cada lado. Diante do maior rival, o Coritiba terá que fazer algo que jamais conseguiu fazer na história do clássico. Ao perder o primeiro jogo da final do Paranaense, o Verdão jamais conseguiu reverter o resultado.

A derrota por 1 a 0 no primeiro jogo da final do Campeonato Paranaense, obriga o Coritiba a vencer o Athletico, para voltar a hegemonia estadual. O Verdão não conquista o Estadual, desde 2017.

Diante deste cenário, a partida ganha ainda mais importância. Até o primeiro jogo da final, o Coritiba havia marcado pelo menos um gol em todas as partidas do Campeonato Paranaense. Invicto no Couto Pereira na temporada, Eduardo Barroca aposta no mando de campo para reverter o resultado e conquistar o título. “Até aqui, conseguimos jogar bem e vencer no Couto Pereira e esperamos confirmar esses resultados anterior nesta próxima partida contra o Athletico”, ressaltou o treinador.

A segunda partida da final, está marcada para quarta-feira (05), às 20h, no Estádio Couto Pereira. Para conquistar o título, o Coritiba vencer por dois gols de diferença. Se vencer por apenas um, a decisão vai para os pênaltis.

Títulos diante do rival

O Coritiba conquistou o Campeonato Paranaense diante do Athletico em nove oportunidades. 1941, 1945, 1968, 1972, 1978, 2004, 2008, 2012, 2013 e 2017.