Zagueiro comemorando um de seus gols nesta temporada. Foto: Geraldo Bubniak/AGB

Nas últimas seis partidas, o Coritiba não venceu nenhum jogo. Mas outro número que preocupa e o de gols marcados. Foram apenas dois neste período, sendo apenas um em quatro jogos do Brasileirão. O zagueiro Sabino, que também é um dos cobradores de pênalti da equipe, ressalta a importância do gol que a equipe marcou contra o Corinthians, na última partida.

“Sabemos que o primeiro passo para conseguir a vitória e fazer gols. Diante do Corinthians, o gol foi fundamental para retomar a confiança, ainda mais sendo um gol de um centroavante como o Sassá, que estava há tempos sem jogar e não vinha marcando gols. Não somente para a equipe, mas para o jogador pegar confiança é importante”, comentou o camisa 35.

Em relação ao momento ruim da equipe, o defensor tem a receita do que precisa ser feito. “Com a união que nosso grupo tem, a única maneira de reverter é trabalhando, com a concentração lá em cima, sabemos que é um momento delicado pro clube, principalmente pela expectativa que foi criada. Porém sabíamos que seriam jogos bem complicados, contra equipes que disputam competições internacionais’’, disse o zagueiro.

Sabino é um dos remanescentes do grupo que conquistou o acesso no ano passado e trabalhou com o técnico Jorginho. Para o defensor, “A troca de treinador no meio de um trabalho é sempre ruim, pois interrompe um ciclo e para começar um novo fica bem difícil. Mas nos já temos o conhecimento de como o Jorginho gosta de trabalhar, então eu creio que isso dá uma vantagem para nós. Mesmo sabendo que é complicado um troca de treinador, será bom para o time’’, analisou.

A equipe volta a campo neste domingo (23), às 16 horas diante do RB Bragantino, em busca dos primeiros pontos na competição.