Júlio Sérgio, auxiliar do Coritiba. (Geraldo Bubniak/AGB)

O auxiliar do Coritiba, Júlio Sérgio, promete lutar até o final para evitar o rebaixamento à Série B do Campeonato Brasileiro. Apesar do bom desempenho no empate em 0 a 0 com o Athletico, o Coxa completou dez jogos sem vencer e permanece na lanterna.

“O Coritiba evoluiu muito, principalmente no aspecto psicológico. Eu cheguei aqui e encontrei um estado de espírito e vou para casa com uma outra impressão do que é o Coritiba. É um time mais unido e proposto a fazer o que tem que fazer. Nós vamos tentar até o final. Enquanto a matemática permitir, nós vamos tentar. Podemos conseguir e tenho certeza. Não é fácil, mas estamos justamente para isso”, afirmou o assistente.

O Coritiba tem apenas três pontos no segundo turno do Campeonato Brasileiro e precisa somar mais 23 em nove rodadas para alcançar o número mágico da permanência. Em 29 rodadas, o Coxa tem cinco vitórias, sete empates e 17 derrotas. O último triunfo aconteceu em 31 de outubro na vitória por 1 a 0 sobre o Atlético-GO, na última rodada do turno.

Tempo para o novo técnico trabalhar

Para a próxima rodada contra o Vasco, o novo técnico Gustavo Morínigo terá mais tempo para implementar suas ideias de jogo. Por isso, Júlio Sérgio acredita em um desempenho melhor ainda para o confronto direto no Rio de Janeiro. “O Gustavo veio com suas ideias, já está implementando seu estilo, seu modo de pensar e de jogar”, disse.

“Com o tempo que o Gustavo tem para trabalhar, vamos implementar as ideias e é provável que a equipe continue evoluindo. Tenho certeza que o Gustavo vai trabalhar muito isso e talvez vamos ver uma equipe diferente na próxima partida no sentido de entendimento para chegar mais próximo do gol e ter mais volume de jogo”, acrescentou o auxiliar.