Capitão do Coritiba, o zagueiro Maurício Antônio comemorou a vitória por 1×0 sobre o Brusque, no último domingo (28), no Couto Pereira, mas sem deixar de criticar a equipe pela dificuldade ao longo da partida, especialmente no primeiro tempo.

Para o camisa 5, o Coxa quase deixou de somar os três pontos pelo que apresentou nos 45 minutos iniciais, quando o time catarinense chegou a marcar um gol, que foi anulado pelo VAR na sequência. Além disso, ele ressaltou que o grupo precisa ter mais personalidade, ainda mais atuando diante da torcida.

O primeiro tempo foi vergonhoso. Nós nos cobramos muito no vestiário, é uma atitude inaceitável do Coritiba, ainda mais em casa. Nós temos que ter mais culhão, personalidade e responsabilidade para fazer da nossa casa uma barreira intransponível. No segundo tempo criamos oportunidades, o placar poderia ser maior, mas quase fomos penalizados pelo primeiro tempo. Certamente vamos nos cobrar mais”, afirmou Mauricio Antônio.

Com o resultado, o Coritiba é o sétimo colocado na tabela, com quatro pontos. Na próxima rodada, a equipe volta a jogar no Couto Pereira, quando recebe o Sport, às 20h30.

Maurício Antônio em ação em Coritiba x Brusque
Capitão do Coxa cobrou o time após a vitória. Foto: Divulgação/Coritiba

Comunicar erro

Comunique a redação sobre erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página.

Maurício Antônio fala em ‘primeiro tempo vergonhoso’ do Coritiba e pede “mais culhão”

OBS: o título e link da página são enviados diretamente para a nossa equipe.