Jorginho. (Geraldo Bubniak/AGB)

A entrevista do técnico Jorginho após o empate do Coritiba em 1 a 1 com o São Paulo foi em tom de desabafo. Na explicação sobre a necessidade de sequência no trabalho, o treinador coxa-branca citou Jürgen Klopp, atual técnico do Liverpool, que demorou três temporadas até conquistar os principais títulos.

“É uma indignação minha, mas tenho certeza que muitos companheiros da minha profissão sentem da mesma forma. A gente vê treinadores sendo mandado embora com 18 dias de trabalho ou treinadores que não tiveram nem seis jogos e já são questionados. Um campeão do mundo como o Jürgen Klopp precisou de quatro anos para fazer o Liverpool campeão do Campeonato Inglês, da Liga dos Campeões e do Mundial, mesmo com o grande poder financeiro e nível dos jogadores que não preciso explicar”, declarou Jorginho.

O treinador ainda enfatizou que o momento não é desespero e uma sequência de vitórias fará o Coritiba subir na tabela. “Não é momento de desespero. Existem muitas equipes em situação delicada e investimento muito maior do que o nosso. A gente sabe como é o campeonato e encaixando uma ou duas vitórias já consegue subir rapidamente. É o que vamos em busca”, afirmou.

Com mais um tropeço em casa, o Coritiba permanece na zona de rebaixamento, com 12 pontos, e tem um confronto direto na próxima rodada. O Coxa joga na próxima quarta-feira (07), às 19h15, contra o Grêmio, que está em 15º lugar, com dois pontos a mais.