Foto: Osmar Antônio/Banda B

O técnico Jorginho mal chegou ao Coritiba e já terá de enfrentar um clássico em sua segunda partida como técnico do alviverde. No sábado (5), às 16h30, na Vila Capanema, a equipe do Coxa disputará o Paratiba 103 da história e terá a tarefa de vencer o rival para entrar de vez no G4. O treinador afirmou que a semana foi ‘diferente’ às vésperas do jogo.

“Precisamos entender que essa é uma final e será um jogo aberto. Mesmo jogando fora, mesmo sabendo do potencial do Paraná, nós temos condições de conseguir os três pontos. Nossa preparação nesta semana foi diferente por se tratar de um clássico, os jogadores estão cientes do que representa uma vitória para os dois clubes, mas o elenco está muito bem concentrado para a partida”, afirmou em entrevista coletiva na manhã desta sexta-feira, no Couto Pereira.

Preocupação da zaga alviverde, o atacante Jenison, do Paraná, também foi citado por Jorginho durante conversa com a imprensa. “Gosto muito do Jenison. Ele não é apenas um jogador de área, mas busca muito as jogadas e é muito forte na bola aérea. Um excelente finalizador, mas nossos zagueiros estão preparados e treinamos essa situação na semana”, disse.

O novo comandante coxa-branca também traçou um panorama das suas primeiras semanas no Alto da Glória. “Em duas semanas não dá pra implantar 100% um trabalho, mas alguns detalhes eu já consegui trabalhar”, relatou. “Antes da minha chegada, o Coritiba vinha de seis jogos sem sucesso e conseguimos uma vitória na última partida, então as mudanças estão acontecendo gradualmente”, disse o técnico.

Sobre o elenco que terá à disposição até o final da Série B, Jorginho elogiou alguns jogadores, como Thiago Lopes e Rodrigão. “Eu tenho muitas opções de ataque. Rodrigão é um goleador nato, capitão e fundamental para o time. Além dele, temos outros três atacantes de área muito competentes. Já o Thiago Lopes é um atleta muito inteligente, aplicado e importante tanto defensivamente quanto no ataque”, analisou.

Sobre o atacante Rafinha, que pode ser desfalque para o Paratiba, Jorginho deu esperanças ao torcedor coxa-branca. “Fiquei muito feliz com o treino dele na quinta-feira. Se ele estiver recuperado, deve seguir com o grupo para o jogo e caberá a mim decidir se ele entrará em campo ou não”.

Reforço

Além do Paratiba, o treinador também citou a nova contratação do Coritiba, o zagueiro Nathan, que estava no Fortaleza. O jogador, que já teve passagem pelo Fluminense, recebeu elogios de um ex-técnico, segundo Jorginho. “Conversei com o Abel Braga sobre o Nathan e só recebi boas referências. Ele vai acrescentar muito pela experiência e por sua saída de bola diferenciada e qualificada”, acrescentou.