Paulo Pelaipe ficou na UTI por 30 dias (Divulgação/Coritiba)

Aos 69 anos, o diretor de futebol do Coritiba, Paulo Pelaipe, apresentou uma melhor no seu quadro de saúde, que havia se complicado em 16 de outubro, quando precisou ser internado após contrair a Covid-19. O dirigente esteve em estado crítico durante praticamente um mês, precisou ser sedado e entubado, além de receber auxilio mecânico para respirar.

Internado no Hospital Nossa Senhora das Graças, Paulo Pelaipe, deixou a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) da unidade de saúde nesta terça-feira (17). Após um mês com a saúde mais debilitada o diretor de futebol reagiu aos tratamentos e continua sob os cuidados da equipe do médico Infectologista, Eduardo Ditzel.

A equipe responsável pelo tratamento do diretor ainda avalia o quadro de saúde e a sua evolução, por isso não há uma data estipulada para a liberação dele do internamento.