Rafinha marcou o primeiro gol da vitória do Coritiba contra o Cianorte. (Geraldo Bubniak/AGB)

O Coritiba derrotou o Cianorte por 2 a 0 na noite desta quarta-feira (29), no estádio Couto Pereira, e garantiu a vaga na final do Campeonato Paranaense. Os gols da vitória coxa-branca foram marcados no segundo tempo por Rafinha, em uma cabeçada por cobertura, e Maurício, contra, após falha bizarra do goleiro Bruno.

Na decisão, o Coritiba disputa o clássico contra o Athletico, que eliminou o FC Cascavel na semifinal após 5 a 1 no placar agregado. O primeiro jogo da final acontece neste domingo (02), às 16h, na Arena da Baixada. Já a partida de volta será na próxima quarta-feira (05).

O jogo

Com cinco jogadores suspensos, o técnico Eduardo Barroca colocou o zagueiro Rodolfo Filemon, o volante Renê Júnior, os meias Matheus Bueno e Matheus Galdezani foram as novidades na escalação. Além disso, Rafinha voltou ao ataque após ser poupado no jogo de ida.

E as novidades na escalação coxa-branca foram responsáveis pelas principais jogadas do primeiro tempo. Aos 33 minutos, Matheus Bueno recebeu cruzamento na área e cabeceou para grande defesa do goleiro Bruno. E aos 37, Wanderley recebeu passe de Rafinha e chutou forte no travessão.

No segundo tempo, o Coritiba acabou com qualquer possibilidade de surpresa e garantiu a vitória com dois gols em 11 minutos. Aos 11, Sabino fez grande lançamento para Rafinha, que cabeceou por cobertura e abriu o placar. Já o gol que confirmou a classificação saiu em uma falha do goleiro Bruno. O camisa 1 deixou passar o recuo de Maurício e a bola parou no fundo das redes.

FICHA TÉCNICA
CORITIBA 2X0 CIANORTE

Local: Estádio Couto Pereira, em Curitiba (PR).
Data: Quarta-feira, 29 de julho de 2020.
Horário: 20h.
Árbitro: Adriano Milczvski (PR).
Assistentes: João Fábio Machado (PR) e Weber Felipe Silva (PR).

Coritiba: Alex Muralha; Patrick Vieira (Natanael), Rodolfo Filemon, Sabino e William Matheus; Renê Júnior, Matheus Bueno (Luiz Henrique), Matheus Galdezani e Gabriel; Rafinha e Wanderley (Sassá).
Técnico: Eduardo Barroca.

Cianorte: Bruno; Weriton, Eduardo Doma, Maurício e Prego; Gercimar, Morelli (França) e Zé Vitor; Rodrigo Alves, Lucão (Lucas Coelho) e Buba.
Técnico: João Burse.

Gols: Rafinha (CFC), aos 11′ do segundo tempo, e Maurício (CFC), contra, aos 22′ do segundo tempo.
Cartões amarelos:
Rodrigo Alves (CIA); Renê Júnior, Matheus Galdezani e Sassá (CFC).