O Coritiba ainda tem mais três jogos para encerrar a temporada, mas internamente a diretoria já projeta 2024. Com o rebaixamento para a Série B confirmado matematicamente, este período até o dia 6 de dezembro servirá até para o novo técnico, Guto Ferreira, avaliar o elenco e projetar o grupo para o ano que vem.

Porém, segundo o CEO do Coxa, Carlos Amodeo, o clube já vem pensando nas peças para a próxima temporada. Tanto é que o scout do Alviverde já observa atletas que possam chegar e reforçar a equipe.

Já temos um mapeamento feito da área de mercado, uma ampla avaliação de atletas que têm o perfil desta competição, que é o nosso principal objetivo. A partir da chegada do novo comandante, vamos partir para avalizar as novas contratações, até por questão de modelo de jogo e características”, afirmou ele, em entrevista coletiva

Coritiba promete orçamento para montar elenco de protagonista na Série B

A tendência é que muitos jogadores deixem o Coritiba ao término da temporada, abrindo espaço para que outros cheguem. A prioridade é trazer nomes que se encaixem com o perfil da Série B. Amodeo já garantiu que não vão trazer peças de ponta, mas ressaltou que o Coxa deve ter um time para brigar pelo título.

“O orçamento de 2024 já está em debate com o nosso acionista. Já tivemos uma reunião na última sexta-feira, haverá necessidade de aprovação do conselho, mas posso assegurar que o orçamento nos dará capacidade de protagonismo na Série B e retornar à Série A sem sobressaltos“, explicou.

Questionado sobre um possível reajuste do orçamento, previsto até no contrato da SAF em caso de rebaixamento, o dirigente admitiu esta cláusula, mas destacou que o time terá um bom investimento.

“Uma coisa é questão contratual. Todos os lados precisam estabelecer suas travas de segurança. No contrato da Treecorp com o Coritiba, existe, sim, uma possibilidade de redução de investimento mínimo em caso de rebaixamento. O objetivo é fazer o melhor possível, não limitado ao valor mínimo para fins de formação de elenco. O que não significa que vamos fazer grandes contratações“, acrescentou Amodeo.

Slimani fica?

Principal contratação da janela de transferências do meio do ano – quando a SAF já geria o Coritiba -, o atacante Slimani deve ficar no Coxa em 2024. Pelo menos é esta a resposta do CEO, que lembrou que o argelino tem vínculo até o final do ano que vem.

“O Slimani é um atleta mundialista, um dos dois principais jogadores do seu país e se engajou perfeitamente no projeto do Coritiba. Ele tem contrato até 31 de dezembro de 2024 e não temos nenhum indicativo que ele esteja insatisfeito e não queira cumprir seu contrato. Contamos com ele para 2024“, destacou ele.

Slimani, atacante do Coritiba
Slimani se destacou pelo Coxa e tem contrato até o final de 2024. Foto: Geraldo Bubniak/AGB

Comunicar erro

Comunique a redação sobre erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página.

Reforços, Slimani, orçamento… o planejamento do Coritiba para 2024

OBS: o título e link da página são enviados diretamente para a nossa equipe.