Coritiba perdeu em casa para o Santos.Coritiba perdeu em casa para o Santos. (Geraldo Bubniak/AGB)

O Coritiba foi superado em casa pelo Santos por 2 a 1, na noite deste sábado (17), no estádio Couto Pereira, e perdeu a chance de embalar no Campeonato Brasileiro. Kaio Jorge e Soteldo marcaram os dois gols do time santista no primeiro tempo, e Giovanni Augusto descontou em um golaço.

Com a derrota em casa, o Coritiba permanece com 16 pontos e segue mais uma rodada na zona de rebaixamento. Após a vitória sobre o Palmeiras, Coxa ficou dois dias fora do grupo dos quatro últimos colocados, mas voltou após o empate do Bahia com o Goiás, na sexta-feira (16).

Na próxima rodada, o Coxa viaja até Fortaleza para enfrentar o Ceará, no sábado (24), às 19h, na Arena Castelão.

O jogo

O Coritiba levou perigo logo aos três minutos em chute de fora da área de Natanael, mas o goleiro João Paulo defendeu sem dar rebote. Do outro lado, o Santos foi letal na primeira chance criada e abriu o placar em rápida jogada pelo lado esquerdo. Felipe Jonatan recebeu passe de Soteldo e cruzou rasteiro na primeira trave. Kaio Jorge se antecipou ao zagueiro Henrique Vermudt e mandou para o fundo das redes.

Depois de sair atrás, o Coxa demorou para se recompor, mas teve uma grande oportunidade para empatar na bola parada. Giovanni Augusto cobrou escanteio no meio da área, Rodrigo Muniz subiu mais que a marcação e parou em uma grande defesa de João Paulo.

O Santos aproveitou novo erro da defesa coxa-branca e chegou ao segundo gol. Diego Pituca chutou forte de fora da área e a bola bateu no braço de Hugo Moura. Após a consulta ao vídeo, o árbitro Bruno Arleu de Araújo marcou a penalidade máxima. Na cobrança, Soltedo cobrou com cavadinha e ampliou a vantagem.

Para corrigir os erros da defesa, o técnico Jorginho mudou ainda no primeiro tempo com a entrada de Matheus Galdezani no lugar de Natanael. Antes do intervalo, o Coxa pressionou e quase descontou. Aos 43 minutos, Giovanni Augusto chutou colocado da entrada da área e a bola bateu na trave.

O Coxa voltou mais ofensivo para o segundo tempo e levou muito perigo aos sete minutos. Robson tentou o cruzamento para o meio da área, mas a bola foi em direção ao gol e quase surpreendeu o goleiro João Paulo.

Em busca da reação na partida, Jorginho mudou o ataque duas vezes com as entradas de Neilton e Nathan nas vagas de Yan Sasse e Rodrigo Muniz. Com ‘gás novo’ no ataque, o Coxa descontou o placar. Aos 28 minutos, Giovanni Augusto recebeu o passe, cortou o marcador e acertou um belo chute no ângulo esquerdo.

O Coritiba se empolgou com o gol e ficou ainda mais ofensivo com as entradas de Ricardo Oliveira e Matheus Bueno nos lugares de Hugo Moura e Matheus Sales. Até o final da partida, o Coxa buscou o empate, mas não passou pela retranca montada pelo Santos.

FICHA TÉCNICA
CORITIBA 1X2 SANTOS

Local: Estádio Couto Pereira, em Curitiba (PR)
Data: Sábado, 17 de outubro de 2020
Horário: 19h
Árbitro: Bruno Arleu de Araújo (RJ)
Assistentes: Michael Correia (RJ) e Gilbert Faria Siqueira (RJ)
Árbitro de Vídeo: Carlos Eduardo Nunes Braga (RJ)
Assistentes de Vídeo: Grazianni Maciel Rocha (RJ) e Carlos Henrique Alves de Lima Filho (RJ)

Coritiba: Wilson; Natanael (Matheus Galdezani), Nathan Silva, Henrique Vermudt e William Mateus; Hugo Moura (Ricardo Oliveira), Mateus Sales (Matheus Bueno), Yan Sasse (Neilton) e Giovanni Augusto; Robson e Rodrigo Muniz (Nathan).
Técnico: Jorginho.

Santos: João Paulo; Madson, Laércio, Luan Peres e Felipe Jonatan; Jobson (Sandry), Diego Pituca e Jean Mota (Arthur Gomes); Lucas Braga (Lucas Lourenço), Kaio Jorge (Luiz Felipe) e Soteldo (Wagner).
Técnico: Cuca.

Gols: Kaio Jorge (SAN), aos 5′ do primeiro tempo, Soteldo (SAN), aos 26′ do primeiro tempo, e Giovanni Augusto (CFC), aos 28′ do segundo tempo.
Cartões amarelos: Hugo Moura, Nathan Silva, Matheus Sales, William Matheus e Ricardo Oliveira (CFC) e Jobson e Kaio Jorge (SAN).