Coritiba jogará desfalcado contra o Cianorte. (Divulgação/Coritiba)

O Coritiba abriu vantagem no confronto da semifinal com a vitória por 3 a 2, mas não terá cinco jogadores para a partida de volta na quarta-feira (29). O zagueiro Rhodolfo, o volante Nathan Silva, o meia Thiago Lopes e os atacantes Robson e Igor Jesus receberam o terceiro cartão amarelo durante o jogo no estádio Albino Turbay.

“A gente quer sempre poder contar com todos os jogadores para que essa disputa fique sempre viva entre eles. Infelizmente, não vamos poder contar com alguns deles, mas como sempre falo, treino todo mundo igual e trabalho no sistema de oportunizar todos os jogadores. Naturalmente, outros terão suas oportunidades e eles têm como obrigação corresponder as expectativas”, declarou o técnico Eduardo Barroca.

Para a defesa, a tendência é que Rodolfo Filemon, reserva no jogo em Cianorte, seja o substituto de Rhodolfo. As outras opções no elenco são Rafael Lima e Nathan Ribeiro. No meio-campo, as possibilidades são Renê Júnior, Matheus Bueno e Luiz Henrique.

Já no ataque, Barroca terá a volta de Rafinha, que foi poupado na última partida. As outras duas vagas no setor ofensivo devem ser ocupadas por Wellissol e Sassá. Wanderley também está na briga para a vaga de Igor Jesus.

A provável escalação do Coritiba para o jogo da volta tem Alex Muralha; Patrick Vieira, Rodolfo Filemon, Sabino e William Matheus; Matheus Galdezani, Renê Júnior e Gabriel; Rafinha, Sassá (Wanderley) e Wellissol.

O jogo de volta entre Coritiba e Cianorte acontece na quarta-feira (29), às 20h, no estádio Couto Pereira. O vencedor do confronto enfrenta na decisão quem passar de Athletico x FC Cascavel.