Coritiba levou o gol aos 44 minutos do segundo tempo. (Geraldo Bubniak/AGB)

Estava tudo certo para uma tarde perfeita para o Coritiba, mas terminou com um tropeço em casa e vaias da torcida. Mesmo sem uma grande atuação, o Coxa vencia o Rio Branco e estava muito perto de uma classificação para as semifinais da Taça Dirceu Krüger. Porém, o time de Paranaguá marcou nos minutos finais, e a partida terminou empatada em 1 a 1.

Com o empate, o Coritiba vai para sete pontos e ainda depende de si para avançar à semifinal do segundo turno do Campeonato Paranaense. A última partida na fase de classificação é o clássico contra o Paraná, no próximo domingo (31), às 16h, no estádio do Pinhão, em São José dos Pinhais.

O jogo

Depois de dois jogos fora por lesão, Rodrigão foi a principal novidade na escalação do Coritiba. O atacante estava sentindo falta de balançar as redes e precisou de apenas 15 minutos para abrir o placar no Couto Pereira. Patrick Brey tocou para o centroavante alviverde, que tirou do goleiro Ravel e mandou no canto esquerdo.

O Rio Branco cresceu na partida após o gol sofrido, mas pouco levou perigo para Alex Muralha. O atacante Wellissol foi quem mais apareceu pelo lado esquerdo e parou na marcação da defesa. Nos minutos finais, o Coritiba teve a chance de ampliar o marcador, porém, Rodrigão parou em boa defesa de Ravel.

O Coritiba voltou para o segundo tempo disposto a ampliar a vantagem. Aos cinco minutos, Welinton Júnior arriscou chute de fora da área e o goleiro Ravel mandou para escanteio. Já aos 18, Alan Costa marcou o segundo gol coxa-branca, mas o árbitro anulou por toque de mão de Sabino.

A situação do Coxa parecia ainda mais tranquila após a expulsão do lateral-direito Anderson por falta em Welinton Júnior. Porém, o Rio Branco surpreendeu nos minutos finais e deixou tudo igual. Após levantamento na área, João Antônio ajeitou para o meio e Paulo Henrique marcou.

FICHA TÉCNICA
CORITIBA 1X1 RIO BRANCO

Local: Estádio Couto Pereira.
Data: Domingo, 24 de março de 2019.
Horário: 16h.
Árbitro: Elvio Kertelt Legnani (PR).
Assistentes: Adair Carlos Mondini (PR) e Leandro Polli Glugoski (PR).

Coritiba: Alex Muralha, Sávio, Alan Costa, Sabino e Fabiano; João Vítor, Matheus Bueno e Patrick Brey (Igor Jesus); Juan Alano (Luiz Henrique), Rodrigão e Welinton Junior (Igor Paixão).
Técnico: Umberto Louzer.

Rio Branco: Ravel; Salazar, Ervim e João Antônio; Anderson, Paulo Henrique, Rodrigo (Andrezinho), Willian Sotto e Jackson; Wellissol (Paulo Fales) e Gustavo Índio (Gleydson).
Técnico: Norberto Lemos.

Gols: Rodrigão (CFC), aos 15′ do primeiro tempo, e Paulo Henrique (RBR), aos 44′ do segundo tempo.
Cartões amarelos: Patrick Brey (CFC); Paulo Henrique e Salazar (RBR).
Cartão vermelho: Anderson (RBR).