Ceará x CoritibaCoritiba segue na zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro. (Divulgação/Ceará)

O Coritiba saiu na frente, mas perdeu de virada por 2 a 1, na noite deste sábado (24), na Arena Castelão, e permanece por mais uma rodada na zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro. Rodrigo Muniz colocou o Coxa na frente logo nos minutos finais, mas Vinícius e Eduardo garantiram a vitória cearense.

Com a derrota e a vitória do RB Bragantino por 2 a 0 sobre o Goiás, o Alviverde caiu para a penúltima colocação, com apenas 16 pontos em 18 rodadas. Na próxima partida, o Coxa enfrenta o Atlético-GO, no sábado (31), às 19h, no estádio Couto Pereira.

O jogo

Após levar um susto com apenas 18 segundos de jogo, o Coritiba foi letal em sua primeira oportunidade e abriu o placar aos dois minutos. Rodrigo Muniz aproveitou a furada de Eduardo Brock dentro da própria área, roubou a bola e chutou por debaixo das pernas do goleiro Fernando Prass.

A vantagem coxa-branca durou cinco minutos. Aos sete, Léo Chu avançou com muita tranquilidade pelo lado esquerdo e cruzou para o meio da área. Vinícius apareceu nas costas da defesa e apenas empurrou para o fundo das redes.

O Ceará cresceu na partida após o empate e teve duas oportunidades para virar o jogo. Aos 20 minutos, Eduardo cortou o marcador e chutou de fora da área. A bola desviou no atacante Cléber e raspou na trave. Já aos 25, Vinícius arriscou e Wilson, bem posicionado, mandou para escanteio.

O Coritiba voltou para o segundo tempo com Nathan no lugar de Yan Sasse. Mesmo com a mudança no ataque, o Coxa foi pressionado pelo Ceará nos primeiros minutos e sofreu o gol da virada. Após cruzamento na área, Cléber subiu mais que a defesa e cabeceou no travessão. No rebote, Eduardo, livre de marcação, mandou para as redes.

Depois de levar o segundo gol, o Alviverde acordou em campo e foi em busca do gol de empate. Primeiro, Nathan arriscou forte da entrada da área e Fernando Prass se esticou para salvar. Na sequência, Robson apareceu na cara do gol, mas finalizou em cima do goleiro do Ceará.

Com o bom momento em campo, o técnico Jorginho colocou Ricardo Oliveira no lugar de Rodrigo Muniz. A pressão do Coritiba continuou e William Matheus teve mais uma chance, mas a bola passou muito perto da trave. No minuto seguinte, Ricardo Oliveira chutou rasteiro e Fernando Prass defendeu sem dar rebote.

Até o final da partida, o o Ceará apenas administrou o resultado, enquanto o Coritiba buscou o segundo gol. Nos últimos minutos, o jogo ficou ataque contra defesa, mas o Coxa não passou pela retranca do adversário.

FICHA TÉCNICA
CEARÁ 2X1 CORITIBA

Local: Arena Castelão, em Fortaleza (CE)
Data: Sábado, 24 de outubro de 2020
Horário: 19h
Árbitro: Felipe Fernandes de Lima (MG)
Assistentes: Guilherme Dias Camilo (MG) e Felipe Alan Costa de Oliveira (MG)
Árbitro de Vídeo: Igor Junio Benevenuto de Oliveira (MG)
Assistentes de Vídeo: Marco Aurélio Augusto Fazekas Ferreira (MG) e Jucimar dos Santos Dias (BA)

Ceará: Fernando Prass; Eduardo, Eduardo Brock, Luiz Otávio e Alyson; Pedro Naressi (Fabinho), Charles, Vinícius (Wescley) e Fernando Sobral (Lima); Léo Chú (Kelvyn) e Cléber (Saulo).
Técnico: Guto Ferreira.

Coritiba: Wilson; Matheus Sales, Nathan Silva, Sabino e William Matheus; Matheus Bueno (Ramón Martínez), Matheus Galdezani (Gabriel) e Giovanni Augusto; Yan Sasse (Nathan), Rodrigo Muniz (Ricardo Oliveira) e Robson.
Técnico: Jorginho.

Gols: Rodrigo Muniz (CFC), aos 2′ do primeiro tempo, Vinícius (CEA), aos 7′ do primeiro tempo, e Eduardo (CFC), aos 6′ do segundo tempo.
Cartões amarelos: Pedro Naressi, Charles e Alyson (CEA); Robson (CFC).