Confusão entre torcedores do Coritiba paralisou o primeiro tempo do clássico. (Geraldo Bubniak/AGB)

O clássico entre Paraná e Coritiba ficou paralisado durante 14 minutos do primeiro tempo por conta de confusão entre torcedores do Coxa. Algumas pessoas precisaram ser atendidas pela ambulância e levadas para o hospital. Sem ambulância na Vila Capanema, o árbitro Lucas Paulo Torezin teve que parar o jogo.

A briga no setor visitante da Vila Capanema aconteceu por volta dos 35 minutos da etapa inicial. A Polícia Militar teve que usar bomba de efeito moral para afastar os vândalos. Com a confusão, torcedores tiveram que ser atendidos ainda dentro do estádio e algumas famílias foram embora.

O jogo retornou aos 49 minutos, mas foi parado novamente aos 56 por falta de médico na ambulância. Após os médicos de Coritiba e Paraná se colocarem à disposição, a arbitragem reiniciou o clássico.

O primeiro tempo do Paratiba terminou apenas aos 64 minutos.