Carlos Eduardo será submetido a cirurgia no tornozelo (Divulgação/Coritiba)

Carlos Eduardo não vestirá mais a camisa do Coritiba nesta temporada. Depois de se lesionar no treinamento da última quarta-feira (31), o jogador passou por exame que constatou uma fratura no tornozelo. O meia será submetido a uma cirurgia nesta sexta-feira (02) e previsão de retorno aos gramados é de quatro a seis meses.

Não é de hoje que o histórico de lesões atrapalha a carreira do atleta alviverde. Em 2011, quando vestia a camisa do Rubin Kazan, da Rússia, o meio-campista teve uma lesão grave no joelho e ficou mais de um ano em recuperação. Posteriormente, Carlos Eduardo vestiu as camisas de Flamengo, Atlético-MG e Vitória, e problemas menos graves seguiram impedindo que tivesse sequência.

Na atual temporada, o jogador vestiu a camisa do Paraná no primeiro semestre, com 16 partidas pelo rival do Coritiba. O meia foi titular em boa parte da campanha do Campeonato Paranaense, mas sofreu uma lesão na panturrilha e participou de apenas nove jogos no Brasileirão.

O contrato de Carlos Eduardo com o Coxa é válido até o fim de maio de 2019, no término da disputa do Campeonato Paranaense.