O Coritiba perdeu para o Red Bull Bragantino por 1×0, na noite deste domingo (03), no Nabi Abi Chedid, pela 37ª rodada do Campeonato Brasileiro. O Massa Bruta confirmou o favoritismo e fez valer a sua superioridade diante do Alviverde, que contou com a reestreia de Guto Ferreira no comando técnico. Léo Ortiz marcou o gol da vitória da equipe paulista já na reta final.

Já rebaixado, o Coritiba apenas se manteve com 30 pontos, na penúltima colocação. Diante do Bragantino, o Alviverde adotou uma postura extremamente defensiva e levou pouco perigo aos donos da casa ao longo do jogo. O Massa Bruta, por sua vez, chegou aos 62 pontos e se garantiu no G-6 do Brasileirão. O Coxa se despede da Série A diante do Corinthians, nesta quarta-feira (06), às 21h30, no Couto Pereira.

Coritiba é dominado e apenas se segura no primeiro tempo

O Bragantino começou o jogo tentando se impor dentro de seus domínios. E não demorou para o jovem goleiro do Coritiba, Pedro Morisco, aparecer bem. Logo no início, o arqueiro fez ótima defesa em chute rasteiro de Lucas Evangelista. O Massa Bruta se instalou no campo coxa-branca e passou a acumular finalizações. Do outro lado, o Alviverde apresentou uma estratégia claramente definida: apostar nos contra-ataques em velocidade.

Dentro desta proposta, o Coritiba foi pouco efetivo e praticamente não levou perigo à meta de Cleiton. Em vez disso, permitiu que o Bragantino ficasse próximo do seu gol a todo momento. Aos 28′, Morisco voltou a brilhar. Após chute colocado de Helinho, o goleiro defendeu com a ponta dos dedos. Logo na sequência, ele salvou novamente em chute de Mosquera. A pressão do Massa Bruta continuou e obrigou o Coxa a se segurar como pôde para levar o empate ao intervalo. Foi o que aconteceu: Bragantino 14×1 em finalizações, mas nada de gol no primeiro tempo.

Bragantino cai na etapa final, mas marca gol da vitória

No segundo tempo, o Coritiba ensaiou sair mais de trás e parar de tanto campo ao Bragantino. O Alviverde conseguiu equilibrar as ações e conter o ímpeto do time da casa, que não chegou nem próximo do volume de jogo da primeira etapa. Na tentativa de segurar a bola no campo de ataque, Guto Ferreira abriu mão de Kaio César, seu principal nome de velocidade, e colocou Edu. A substituição, no entanto, pouco fez efeito e o Coxa seguiu com dificuldades em criar chances reais de gol.

Se de um lado as substituições não funcionaram, do outro elas foram decisivas. Em lance de Vitinho e Eduardo Sasha, dois nomes que entraram na etapa final, Léo Ortiz apareceu para abrir o placar no Nabi Abi Chedid, de cabeça: 1×0 Bragantino. Apesar da vantagem, foi o Massa Bruta que continuou perto do gol. Pedre Morisco voltou a aparecer e manteve o Coritiba vivo no jogo. Porém, o Alviverde pouco esboçou poder de reação e pareceu se conformar com a derrota. Fim de jogo: derrota coxa-branca na reestreia de Guto Ferreira.

Ficha técnica

CAMPEONATO BRASILEIRO
2º Turno – 37ª Rodada

BRAGANTINO 1×0 CORITIBA

Bragantino
Cleiton; Andrés Hurtado, Léo Ortiz, Luan Cândido e Juninho Capixaba (Léo Realpe); Matheus Fernandes (Jadson), Lucas Evangelista e Bruninho (Eduardo Sasha); Helinho (Matheus Gonçalves), Thiago Borbas e Henry Mosquera (Vitinho).
Técnico: Pedro Caixinha

Coritiba
Pedro Morisco; Natanael, Kuscevic, Thalisson e Diogo Batista (Reynaldo); Willian Farias (Andrey), Matheus Bianqui (Gabriel Silva) e Sebastián Gómez; Marcelino Moreno, Kaio César (Edu) e Robson (Lucas Ronier).
Técnico: Guto Ferreira

Local: Nabi Abi Chedid (Bragança Paulista-SP)
Árbitro: Dyorgenes José Padovani de Andrade (ES)
Assistentes: Guilherme Dias Camilo (Fifa-MG) e Fabiano da Silva Ramires (ES)
VAR: Diego Pombo Lopez (BA)
Gols: Léo Ortiz aos 30′ do 2°T
Cartões amarelos: Helinho, Matheus Fernandes, Juninho Capixaba, Matheus Gonçalves (RBB)
Renda:
Público total:

Bragantino x Coritiba se enfrentaram pela 37ª rodada do Brasileirão.
Alviverde fez seu último jogo como visitante nesta Série A. Foto: Divulgação/Bragantino

Comunicar erro

Comunique a redação sobre erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página.

Em reestreia de Guto Ferreira, Coritiba perde para o RB Bragantino

OBS: o título e link da página são enviados diretamente para a nossa equipe.