Assim que o rebaixamento foi confirmado, no último sábado (25), o Coritiba iniciou, de maneira oficial, o planejamento para 2024. Agora, foi a vez de se colocar em prática a preparação dentro de campo. Na quinta-feira (30), o técnico Guto Ferreira teve seu primeiro trabalho com o grupo como, de fato, comandante do Coxa.

O novo treinador acompanhou o empate em 1×1 com o Botafogo, na quarta-feira (29), no Couto Pereira. O técnico do sub-20, Guilherme Bossle, destacou que Guto já teve sua interferência, mas agora é que ele vai conhecer o elenco e iniciar os treinamentos.

A reestreia no banco de reservas será no domingo (3), às 18h30, contra o Red Bull Bragantino, no Nabi Abi Chedid. Depois, ainda encara o Corinthians, quarta-feira (6), às 21h30, no Couto Pereira. Dois jogos para fazer testes, observações e já avaliar os atletas que ficarão na próxima temporada.

Mudanças no Coritiba

Antes do duelo com o Botafogo, o Alviverde anunciou a saída de cinco jogadores, entre eles o zagueiro Henrique, que vinha sendo titular ao longo do Brasileirão. Os outros nomes já eram esperados que deixariam o clube ao término de seus contratos.

Com a bola rolando, a única novidade foi o goleiro Pedro Morisco, de 19 anos, que fez sua estreia e deixou uma boa primeira impressão. Mas o restante das peças utilizadas eram as mesmas que vinham sendo aproveitadas até então por Thiago Kosloski.

A expulsão do lateral-esquerdo Jamerson e a lesão do atacante Diogo Oliveira, por exemplo, abrem espaços para novas opções. Dificilmente Guto manterá a mesma base, principalmente pelo fato de precisar ver o desempenho de outros atletas. Até mesmo peças da base podem ser escaladas

2024 terá 13 meses

Com a comissão técnica já em atividade e a diretoria trabalhando fora do campo, restam apenas seis dias para o Coritiba, de fato, deixar 2023 para trás, mas o foco está totalmente voltado para 2024. Certamente, a partir do dia 7 mais mudanças acontecerão no elenco, que é o que mais interessa ao torcedor a partir de agora.

Com um mês de antecedência, a diretoria da SAF quer aproveitar o tempo extra para se movimentar no mercado e nos bastidores e sair na frente em busca do grande objetivo: estar na elite em 2025.

Guto Ferreira, técnico do Coritiba
Guto Ferreira já teve o primeiro contato com o elenco do Coxa. Foto: Reprodução/Coritiba

Comunicar erro

Comunique a redação sobre erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página.

2024 já começou no Coritiba. Agora, também no campo

OBS: o título e link da página são enviados diretamente para a nossa equipe.