Athletiba. (Geraldo Bubniak/AGB)

Além dos estados que detêm os holofotes do futebol brasileiro (SP, RJ, MG e RS), o futebol paranaense é considerado um dos melhores do Brasil. Não é por menos, já que possuem títulos importantes como o Brasileiro conquistado em 85 pelo Coritiba e a Sul-Americana de 2018 vencida pelo Athletico. O Paraná está no mapa do futebol nacional e por isso seu Estadual é um dos principais do país.

Athletico e Coritiba comandam o futebol no Estado e são os maiores campeões. O Rubro-negro ganhou 24 títulos e o Coxa tem 34 conquistas. Apesar de toda a rivalidade, por enquanto, 2019 está sendo boa com apenas uma torcida em Curitiba. É que a dupla da capital vive momentos distintos na temporada. Enquanto o Furacão é finalista do Campeonato Estadual e lidera seu grupo na Libertadores, o Coxa passa por um momento de restruturação depois de tantos fracassos acumulados.

A verdade é que, com o início do Campeonato Brasileiro, outra fase da temporada começa. Enquanto o Coxa vai disputar a série B buscando reabilitação, o Athletico vem forte para conseguir uma posição melhor que o 7º lugar alcançado em 2018. Fica a pergunta: qual clube de Curitiba terminará o ano em alta?

Coritiba foca na recuperação

Hoje sob o comando do técnico Umberto Louzer, a equipe do Coritiba aproveita o intervalo para trabalhar o emocional do grupo e intensificar a parte técnica, muito criticada durante o ano. A preocupação com o emocional não é a toa. O Coritiba teve sequentes fracassos durante a temporada como a eliminação precoce na Copa do Brasil pelo fraco URT de Minas Gerais e as derrotas nos dois turnos do Paranaense para Toledo e Athletico.

Louzer acredita no seu grupo e aposta na confiança para voltar a brilhar. “O primeiro passo é erguer. Quando você tem esse revés há duas escolhas, ou você se deprime ou ergue a cabeça, sacode a poeira e vai para frente. Sabemos da nossa responsabilidade”, disse Louzer.

O treinador foca em sucesso no restante da temporada, com o acesso à Série A como principal objetivo. O Coritiba estreia na Série B do Campeonato Brasileiro no próximo dia 29, diante na Ponte Preta, no Couto Pereira. Esta será a quinta participação do Coxa na segundona depois da era de pontos corridos. O time paranaense já foi campeão duas vezes, 2007 e 2010.

Athletico vive grande fase

Diferente do seu arquirrival, o Athletico vive um grande momento na temporada. Mesmo em desvantagem, o Furacão tem chance de conquistar seu 25º título paranaense se vencer o Toledo por dois gols de diferença, no próximo domingo, dia 21, na Arena da Baixada. O time da Capital perdeu o primeiro confronto com gol nos acréscimos e agora precisa vencer por este placar para ficar com o título. Uma vitória simples, por um gol, leva a decisão para os pênaltis. O bom momento da equipe é o combustível para conseguir esta nova conquista. Esta é a primeira vez que o Toledo chegou a uma decisão.

Vale lembrar que o Athletico utiliza um time alternativo para a disputa do Estadual. A estratégia faz parte do projeto criado em 2013, dando ao time titular mais tempo para se preparar para grandes competições como o Campeonato Brasileiro e a Copa Libertadores da América. Em 2018, o projeto gerou seus melhores frutos com a conquista do Paranaense pelo time B e a Copa Sul-Americana pelo elenco principal. E sem falar do sétimo lugar conquistado na Série A pelo time A.

Uma estratégia que tem tudo para dar certo em 2019 já que a boa fase também está na Copa Libertadores da América. O Athletico é o líder do grupo G com nove pontos. Foram três vitórias seguidas (sobre Jorge Wilstermann, Boca Juniors e Tolima), com destaque para a goleada sobre o Boca Juniors por 3 a 0. O time tem como destaque o argentino Marco Ruben, artilheiro da equipe com 4 gols e a revelação Bruno Guimarães, de 21 anos, que já chama a atenção de clubes grandes da Europa. A jovem promessa atua como volante e vem se destacando desde a temporada passada. Nesta Libertadores foram dois gols e duas assistências. Chelsea, Inter de Milão e Shakhtar já demonstraram interesse no atleta, que também deve ser convocado para a Seleção Olímpica, agora comandada pelo técnico Silvinho, para os Jogos olímpicos de Tóquio, em 2020.

Fique por dentro da temporada de Coritiba e Athletico no Betway. Lá você acompanha os jogos da dupla Atletiba e ainda corre o risco de ganhar dinheiro.