Wellington comemora bom momento no novo clube (Divulgação/Atlético)

Vivendo um grande momento no Atlético, com a possibilidade de título na Copa Sul-Americana e vaga na Libertadores via Brasileirão, o volante Wellington pode fechar o ano de 2018 de uma forma que não imaginava. Depois de um primeiro semestre conturbado no Vasco da Gama, o jogador de 27 anos revelou agradecimento ao Furacão pela volta por cima e espera fechar o ano com a conquista.

“É engraçado, pois aconteceram algumas coisas no Vasco, eu sabia que portas iriam se abrir, mas não imaginava que seria aqui. Fiquei muito feliz quando o Atlético me procurou, pois é um clube grande, com grande profissionalismo. Já tinha trabalhado no São Paulo, que também tinha boa estrutura, mas infelizmente no Vasco eu não encontrei isso. Estou muito feliz que deu certo no Atlético, espero coroar com o título da Sul-Americana”, afirmou em entrevista à imprensa, após a classificação para a final da Sul-Americana.

Contratado no meio do ano, após a parada para a Copa do Mundo, Wellington fez parte de todo o processo de ascensão do Furacão sob o comando do técnico Tiago Nunes. Na ocasião, o time era o lanterna do Brasileirão, e iniciou a arrancada que pode culminar, no próximo fim de semana, em uma vaga para a Libertadores.

“Para mim é muito gratificante. Quando cheguei no Atlético, a gente tinha nove pontos no Campeonato Brasileiro, e a primeira conversa com o grupo foi que o clube tinha uma camisa pesada. Temos um grupo com muita qualidade. Depois do jogo contra o Vitória, que foi a minha estreia, eu não lembro a última vez que perdi na Arena. Estou muito feliz pela oportunidade de estar na final e agora é ter personalidade para conquistar esse objetivo”, concluiu.