Por Esporte Banda B 

Árbitro relatou toda a confusão na súmula. (Geraldo Bubniak/Futebolparanaense.net)Árbitro relatou toda a confusão na súmula. (Geraldo Bubniak/Futebolparanaense.net)

O Atlético pode perder dois jogadores importantes no elenco para o restante do Campeonato Paranaense. O goleiro Weverton e o meia Vinícius serão julgados nesta terça-feira (05) no Tribunal de Justiça Desportiva do Paraná (TJD-PR), a partir das 19h, pelas expulsões no clássico contra o Paraná na primeira fase e correm o risco de não entrar em campo mais no estadual.

Weverton foi denunciado no artigo 258 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva – assumir qualquer conduta contrária à disciplina ou à ética desportiva não tipificada pelas demais regras – e pode ser suspenso por até seis partidas. Na súmula da partida, o árbitro Adriano Milczvski relatou que o camisa 12 “saiu de sua área penal e correu até a área penal adversária, empurrando e discutindo com atletas do Paraná” e depois, ‘veio até mim e gritou: “A culpa disso é só sua c…, viu só o que você fez?'”.

Já Vinícius pode ficar de fora por até 16 partidas já que foi denunciado nos artigos 257 e 258. A primeira denúncia foi pelo meia ter revidado um empurrão do médico do Tricolor, Jefferson Huyer Klippel, e desferiu um tapa na altura do peito, o que deu início a toda confusão. Já o segundo caso foi  por “cavar” uma falta em um lance que seria clara chance de gol para o Rubro-Negro.

Caso os dois jogadores forem punidos, o técnico Paulo Autuori será obrigado a mexer no time que empatou em 1 a 1 com o Londrina na partida de ida das quartas de final. Para o gol, Santos é o substituto natural de Weverton e Vinícius vem ficando como opção no banco de reservas nos últimos compromissos.