Santos aguarda a decisão do árbitro em uma das polêmicas do jogo. (Ricardo Rímoli/Estadão Conteúdo)

No reencontro com o Beira-Rio após o título da Copa do Brasil, o Athletico ficou no empate com o Internacional em 1 a 1. O time colorado saiu na frente com gol de Rodrigo Lindoso por cobertura, mas Rony empatou ainda no primeiro tempo em chute rasteiro da entrada da área.

A partida ficou marcada pelo uso do VAR durante os dois tempos. O Internacional teve o gol confirmado, outro anulado e mais um pênalti marcado ao seu favor depois da consulta ao vídeo. Além disso, o goleiro Santos também se destacou ao defender a penalidade de Santos.

O jogo

Precisando do resultado para permanecer no G6, o Internacional começou a partida no ataque e abriu o placar aos 11 minutos de jogo. Rodrigo Lindoso recebeu entre Madson e Thiago Heleno, avançou com muita calma e deu um toque cobertura no goleiro Santos para balançar as redes. O árbitro esperou a confirmação da arbitragem de vídeo por mais de três minutos e confirmou o gol do time gaúcho.

O Athletico não se intimidou com o bom início do Internacional e empatou 10 minutos depois. Madson cruzou rasteiro na área e Rony, livre de marcação, chutou no canto para deixar tudo igual. Depois do empate, o Furacão ainda teve a chance de virar o jogo, mas Rodrigo Modelo tirou praticamente de cima da linha o que seria o gol de Nikão.

No começo do segundo tempo, D’Alessandro foi responsável pelas principais chances do Internacional. Primeiro, o camisa 10 viu Santos adiantado, deu um belo toque por cobertura e acertou o travessão. Depois, o meia quase marcou o gol de falta.

Em um momento que o jogo estava equilibrado, Márcio Azevedo tentou o corte em chute dentro da área, e o árbitro entendeu que o toque no braço foi para marcar o pênalti. Na cobrança, o goleiro Santos cresceu e defendeu o chute de Paolo Guerrero.

No lance seguinte, Nico López chutou da ponta esquerda e acertou a trave. No rebote, Paolo Guerrero empurrou a bola para o fundo das redes e chegou a comemorar o segundo gol. Depois de cinco minutos, o árbitro foi para o vídeo, viu impedimento de Nico López e anulou o lance.

FICHA TÉCNICA
INTERNACIONAL 1X1 ATHLETICO

Local: Estádio Beira Rio, em Porto Alegre (RS).
Data: Quinta-feira, 31 de outubro de 2019.
Horário: 21h30.
Árbitro: Andre Luiz de Freitas Castro (GO).
Assistentes: Cristhian Passos Sorence (GO) e Leone Carvalho Rocha (GO).
Árbitro de vídeo: Elmo Alves Resende Cunha (GO).

Internacional: Marcelo Lomba; Heitor, Rodrigo Moledo, Vitor Cuesta e Zeca; Rodrigo Lindoso, Edenilson, Guilherme Parede (Nico López), D’Alessandro e Patrick (Wellington Silva); Paolo Guerrero.
Técnico: Zé Ricardo.

Athletico: Santos; Madson, Léo Pereira, Thiago Heleno e Adriano (Márcio Azevedo); Wellington, Bruno Guimarães e Bruno Nazário (Camacho); Nikão, Marco Ruben (Marcelo Cirino) e Rony.
Técnico: Tiago Nunes.

Gols: Rodrigo Lindoso (INT), aos 11′ do primeiro tempo, e Rony (CAP), aos 21′ do primeiro tempo.
Cartões amarelos: D’Alessandro, Heitor e Victor Cuesta (INT); Wellington (CAP).