Ao lado do empresário e dos pais, Bruno Guimarães foi com o taxi ‘039’ que inspirou o número de sua camisa ao Prêmio do Brasileirão (Reprodução/Twitter Alexis Malavolta)

Mesmo estando entre os onze melhores do Brasileiro, o volante Bruno Guimarães não deixou as origens para trás. Na seleção do campeonato, o camisa 39 do Athletico foi ao Prêmio Craque do Brasileirão, no Rio de Janeiro, no táxi do pai, responsável pelo sustento da família e que carrega mesmo número utilizado pelo filho nos gramados, onde a joia rubro-negra vem se destacando e atraindo olhares de grandes clubes do planeta.

De terno, ao lado dos pais e do seu empresário, Alexis Malavolta, o meio-campista não escondeu a felicidade de estar entre os melhores da competição. “Elegância em família 39 no Rio de Janeiro”, brincou o agente do jogador em publicação no Twitter.

Bruno Guimarães completa ao lado do goleiro Santos, seu companheiro de Athletico, uma seleção dominada por jogadores do Flamengo. Ao todo, são nove atletas do campeão brasileiro entre os melhores do campeonato, formando uma seleção completamente rubro-negra.

Destaque do time, o volante athleticano aguarda uma definição sobre o seu futuro. O Atlético de Madrid tem em mãos a prioridade na compra do camisa 39, estabelecida em cláusula na contratação do lateral-esquerdo Renan Lodi, e pode acertar a compra já na janela de transferências de janeiro.