Khellven foi elogiado por Autuori por atuação no clássico. (Divulgação/Athletico)

O empate em 0 a 0 no clássico Athletiba quebrou a sequência de vitórias do Athletico no Campeonato Brasileiro. O resultado no Couto Pereira, e a ausência de gols, não era o esperado pelo time rubro-negro, que tinha como meta mais uma vitória para seguir próximo à zona de classificação para a Libertadores. Desempenho abaixo do esperado e que para o volante Khellven tem uma explicação maior: os erros de passes durante os 90 minutos.

“A gente pecou muito no último passe. Tentou criar pela linha de trás, mas como a gente errou bastante passe, isso foi crucial para não conseguir chegar ao gol adversário” disse o lateral, em entrevista coletiva logo após o jogo.

No clássico, Khellven teve uma nova oportunidade entre os titulares. A vaga na lateral-direta vem sendo dividida com Jonathan. Companheiro experiente que é exemplo para o camisa 13.

“No dia a dia tento aprender ao máximo com ele. Um cara que me dou super bem, que me dá muito conselho. É muito importante essas conversas que tenho com ele no dia a dia”, relata.

Com o empate no Couto Pereira, o Athletico foi a 38 pontos, e ocupa a décima colocação na tabela de classificação. Na próxima rodada o Furacão encara o São Paulo, domingo (17), às 16h, na Arena.