Sicupira já está de bigode. (Reprodução)

Barcímio Sicupira Júnior, maior artilheiro da história do Athletico e comentarista da Banda B, sempre viveu uma vida com muitas regras e não é diferente no momento da maior pandemia dos últimos 100 anos. Em conversa com o deputado e radialista Luiz Carlos Martins, ele contou como está sendo a rotina durante a quarentena.

“Eu estou por dentro de como funciona o relógio, quanto demora para andar e sei de cor a programação. Estou cumprindo com aquilo que pedem e saí só quatro vezes durante os quatro meses”, contou o ‘Craque da 8’.

Para passar o tempo em casa, o ídolo do Athletico comentou que está assistindo diversos programas de televisão e até jogando baralho pelo computador. “Estou vendo muita natureza, pescaria e coisa interessante do Brasil e de outros lugares. Como não posso jogar baralho no Círculo Militar, eu jogo sozinho no computador”, relatou.

A pandemia também deixou Sicupira afastado de sua mãe, Ana, de 111 anos, para evitar qualquer possibilidade de transmissão da Covid-19. “Ela não sai, mas está firme e dizem que está completamente lúcida, conversando muito. Estamos do lado dela, mas não podemos nem chegar perto pelo risco ser muito grande. Ninguém quer ser responsável pela transmissão da doença”, disse.

Volta do bigode

Ainda no mês de abril, Sicupira surpreendeu a todos ao postar uma foto sem o famoso bigode. Três meses depois, ele falou que já está de bigode novamente e levou muitas broncas por ter tirado. “[Estou] de bigode. Eu tirei o bigode para fazer uma brincadeira no começo da pandemia, mas levei tanta bronca que deixei crescer de novo”, comentou.

Confira o bate-papo de Sicupira com Luiz Carlos Martins na íntegra: