Goleiro Santos é peça importante no time do Athletico. (Maurício Mano/Athletico)

A paralisação do futebol brasileiro por mais de 100 dias modificou o planejamento dos clubes para a disputa do restante da temporada. A Banda B preparou uma matéria para mostrar qual deve ser o time-base do Athletico quando a bola voltar a rolar.

Do time titular antes da parada do futebol, o técnico Dorival Júnior perdeu apenas o zagueiro Robson Bambu, vendido para o Nice, da França. Para o lugar, o Furacão trouxe dois jogadores: Edu, ex-Cruzeiro, e Felipe Aguilar, ex-Santos. A tendência é que o jovem Edu seja o titular ao lado do experiente Thiago Heleno.

A principal novidade deve ficar por conta da improvisação do volante Erick na lateral-direita. Ele já vinha sendo cogitado na posição antes da paralisação do futebol e agrada ao técnico Dorival Júnior. Com isso, Léo Cittadini seria recuado para jogar como segundo volante, e Marquinhos Gabriel ganharia uma vaga no time titular.

O time-base do Athletico tem Santos; Erick, Thiago Heleno, Edu e Márcio Azevedo; Wellington, Léo Cittadini e Marquinhos Gabriel; Nikão, Guilherme Bissoli e Carlos Eduardo.

Outras opções no elenco

O elenco do Athletico ainda conta com as presenças dos atacantes Geuvânio e Walter, que foram contratados na paralisação do futebol. Walter ainda recupera a forma física e vai ficar à disposição de Dorival Júnior nos próximos dias. Além deles, os laterais Adriano, Jonathan e Abner, o meia Fernando Canesin e os atacantes Jajá, Pedrinho e Vitinho são opções que podem aparecer na equipe.