Athletico está classificado para as oitavas de final da Libertadores. (Fábio Wosniak/Athletico)

O Athletico garantiu a vaga para as oitavas de final da Libertadores com o empate em 0 a 0 com o Jorge Wilstermann, mas perdeu a chance de assegurar a liderança do Grupo C. A disputa agora fica para a última rodada e o Furacão depende apenas de si para avançar na primeira colocação.

Na última rodada, o Furacão viaja até Montevidéu para enfrentar o Peñarol e precisa de apenas um empate para garantir a liderança da chave. Se perder, o Rubro-Negro torce por um tropeço do Jorge Wilstermann no confronto com o Colo-Colo.

Apesar da decepção em não garantir a liderança, o ponto conquistado contra o Jorge Wilstermann foi importante para o Athletico garantir a classificação para o mata-mata da Libertadores pela quinta vez na história. As outras vezes foram em 2000, 2005, 2017 e 2019.

Athletico e Peñarol se enfrentam no dia 20 de outubro, às 21h30, no estádio Campeón Del Siglo, em Montevidéu. Antes do próximo compromisso da Libertadores, o Rubro-Negro disputa cinco partidas pelo Campeonato Brasileiro contra Flamengo, Ceará, Internacional, Corinthians e Atlético-GO.