Alex Mineiro (à esquerda) foi escolhido no debate da Banda B como melhor jogador da história do Athletico. (Arquivo/Athletico)

Os comentaristas da Banda B escolheram durante o programa Balanço Esportivo os cinco maiores jogadores da história do Athletico. O critério utilizado pela maioria dos jornalistas foi ter visto os atletas em campo. A única exceção foi para Barcímio Sicupira Júnior, maior artilheiro da história do Furacão, por tudo que ele fez com a camisa rubro-negra.

O jogador mais votado foi o atacante Alex Mineiro, responsável por oito gols apenas nos jogos do mata-mata da campanha do título brasileiro de 2001. Ele apareceu em primeiro lugar em três oportunidades e esteve em praticamente todas as listas.

O segundo colocado foi o volante Bruno Guimarães, único nome em todas as listas. O jogador foi um dos principais nomes na campanha dos títulos da Sul-Americana de 2018 e da Copa do Brasil de 2019. Foi dele o gol da vitória por 1 a 0 sobre o Internacional no jogo da ida da final da Copa do Brasil.

O terceiro lugar ficou com o atacante Washington. Depois de se recuperar de um problema no coração, ele marcou 34 gols na campanha do vice-campeonato do Brasileirão de 2004 e ninguém balançou mais as redes do que ele em uma edição de Campeonato Brasileiro.

O Top 5 foi completado por Kléberson, titular na campanha do Brasileirão de 2001 e representante do Athletico no penta da seleção brasileira na Copa do Mundo de 2002, e Jadson, um dos principais nomes do vice da Série A de 2004.

Os votos foram dados por Marcelo Ortiz, Monique Vilela, Felipe Dalke, Luiz Ferraz, Bruno Abdala e Greyson Assunção.

Confira os votos de cada jornalista

MONIQUE VILELA – REPÓRTER

1 – Alex Mineiro
Marcou história sendo o responsável pela maioria dos gols no mata-mata do Brasileirão de 2001.

2 – Bruno Guimarães
Chegou no final de 2017 no Athletico, começou na mão do Tiago Nunes na equipe de aspirantes e conquistou vários títulos. Já está na história como a maior negociação do Athletico.

3 – Washington
34 gols no Campeonato Brasileiro de 2004 e é o maior artilheiro dos pontos corridos. Voto por tudo que ele fez pelo Athletico e o Athletico fez por ele.

4 – Adriano Gabiru
Campeão brasileiro em 2001 e também participou da Libertadores de 2000. Fez gols importantíssimos. Não é apenas a torcida do Athletico, mas a torcida do Internacional também tem uma paixão por ele.

5 – Kelly
Marcou golaços com a camisa do Athletico. Foi importante na seletiva da Libertadores em 1999 e na Libertadores de 2000. Formava a dupla com Lucas.

FELIPE DALKE – REPÓRTER

1 – Barcímio Sicupira
O maior artilheiro da história do Athlético não pode ficar fora de nenhuma lista. Muito tempo jogando no clube, identificado e gols importantes marcados.

2 – Alex Mineiro
O principal jogador do título de 2001, com oito gols na reta final do Campeonato Brasileiro, que é a conquista mais importante do Athlético. Poder de decisão, cresceu muito quando mais precisava dele. Apesar de ter tido mais passagens pelo clube, a de 2001 é inesquecível.

3 – Washington
Diferente do Alex Mineiro, teve apenas uma passagem pelo Athlético, mas fez história ao se tornar o maior artilheiro de uma edição do Campeonato Brasileiro, em 2004. O clube apostou na qualidade dele, ajudou em sua recuperação após os problemas cardíacos e ele colocou seu nome no Furacão.

4 – Thiago Heleno
Chegou em 2016, foi campeão paranaense, coisa que não acontecia há alguns anos. Titular absoluto desde então (com o hiato da punição por dopping), bateu o pênalti do título da Copa Sul-Americana.

5 – Bruno Guimarães
Melhor jogador do Athlético no século, campeão da Sul-Americana e campeão da Copa do Brasil. Maior venda da história do CAP.

LUIZ FERRAZ – REPÓRTER

1 – Bruno Guimarães
Foi o principal jogador do Athletico da nova década. Fez grandes jogos, foi importante em grandes conquistas e sempre foi marcado pela sua regularidade em campo.

2 – Washington
Marcou história no Athletico pelos gols, faro de artilheiro e pelas grandes atuações.

3 – Kléberson
Meio de campo moderno, fez grandes jogos e também foi figura fundamental na conquista do Brasileirão de 2001.

4 – Flávio
Líder em campo, ágil e protagonista de grandes defesas. O goleiro Flávio foi peça importante em um dos títulos mais importantes da história do clube.

5 – Nem
Zagueiro formou e foi peça importante da melhor defesa da história do Athletico atuando como líbero, além de ser um líder na equipe.

MARCELO ORTIZ – APRESENTADOR

1 – Alex Mineiro
O jogador mais decisivo do time em todos os últimos quatro jogos do titulo mais importante da história.

2 – Roberto Costa
Melhor goleiro do Brasil em 1983 pelo Furacão é melhor jogador da Brasil recebendo a Bola de Ouro 83/84. Decisivo em um time de craques do Athletico.

3 – Kléberson
Craque do Furacão desde o início na posição onde foi colocado era acima da média. Foi campeão do Mundo pela seleção enquanto ainda atuava pelo Furacão.

4 – Jadson
Um dos maiores meias revelado pelo futebol paranaense fez parte como craque de um time altamente técnico que merecia o título brasileiro em 2004.

5 – Bruno Guimarães
Principal jogador dos títulos da Sul-Americana e da Copa do Brasil e melhor da posição no país em 2019.

BRUNO ABDALA – REPÓRTER

1 – Bruno Guimarães
É o maior craque que vi jogar no futebol paranaense. Um jogador acima da média, tem um potencial absurdo e vai chegar na seleção brasileira sem dúvida nenhuma.

2 – Alex Mineiro
Dispensa apresentações. Um dos grandes responsáveis pelo título brasileiro de 2001.

3 – Kleber Pereira
Fez muitos gols com a camisa do Athletico e era um jogador muito técnico.

4 – Adriano Gabiru
Ele jogou muito durante a campanha do título do Campeonato Brasileiro de 2001.

5 – Jadson
Ele simboliza aquele time fantástico de 2004 que era comandado por Levir Culpi.

GREYSON ASSUNÇÃO – DIRETOR DE ESPORTES

1 – Alex Mineiro
Ele foi muito decisivo na campanha do maior título da história do Athletico. O que o Alex Mineiro fez nas quartas de final, na semifinal e na final não existe. Dosç que eu vi jogar, ele foi o maior jogador da história do Athletico.

2 – Washington

3 – Bruno Guimarães

4 – Kléberson

5 – Jadson