Athletico vai disputar a Supercopa contra o campeão brasileiro. (Wesley Santos/AGIF/AGB)

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) divulgou as informações sobre a Supercopa do Brasil de 2020. O torneio será disputado entre Athletico, campeão da Copa do Brasil, e o vencedor do Campeonato Brasileiro, inicialmente no dia 19 de janeiro. Porém, a data pode ser alterada, se o Flamengo confirmar o título brasileiro e ainda conquistar a Libertadores diante do River Plate.

Caso conquiste a Libertadores, o Flamengo disputa o Mundial de Clubes até o dia 22 de dezembro e teria que jogar menos de 30 dias depois pela Supercopa. Ou seja, se a data inicial for mantida, o time carioca não teria os seus principais jogadores para a disputa da nova competição nacional.

A mudança de data também seria benéfica para o Athletico. Como a Federação Paranaense de Futebol (FPF) antecipou o início do Campeonato Paranaense para o dia 18 de janeiro, o Rubro-Negro teria dois jogos em 24 horas. O Furacão costuma jogar o estadual com o time de aspirantes, mas uma mudança no regulamento acabou com o limite de jogadores inscritos e agora permite que os titulares também disputem algumas rodadas.

Como será a Supercopa?

A Supercopa será disputada em jogo único em local ainda a ser definido pela CBF. Em caso de empate no tempo normal, o vencedor será conhecido nos pênaltis. Além disso, a entidade manteve o mesmo padrão da Conmebol e colocou no regulamento que os dois participantes precisam estar na cidade do jogo três dias antes.