(Divulgação/Colo-Colo)

O Colo-Colo teve o jogo contra o Deportes Antofagasta suspenso na manhã deste sábado após um caso positivo na delegação que esteve em Curitiba no começo da semana para a partida contra o Athletico, pela Libertadores. A decisão foi tomada pelo Ministério da Saúde do Chile.

Através de comunicado oficial, o Colo-Colo informou apenas o caso positivo, mas sem especificar se era jogador, membro da comissão técnica ou dirigente. A equipe ainda ressaltou que todos os outros testes deram resultado negativo.

A testagem de toda a delegação foi feita após um membro da delegação informar que teve contato com uma pessoa diagnosticada com a Covid-19. Todas as pessoas que estiveram em Curitiba ficarão em quarentena até a realização dos novos testes.

Pela Libertadores, o Colo-Colo volta a campo na próxima terça-feira (29), às 19h15, contra o Peñarol, em Santiago. O regulamento da Conmebol obriga os positivados a ficarem de fora da partida, mas não fala em suspensão do jogo.