Após acertar uma bola na trave, Christian comemorou o gol com Renato Kayzer. (Geraldo Bubniak/AGB)

Após um jejum de 11 jogos sem vencer e quase 40 dias sem conquistar os três pontos da vitória, o Athletico Paranaense venceu o Fortaleza no sábado (7) por 2 a 1, de virada, na Arena da Baixada. A vitória veio de virada e ajudou o Rubro Negro a subir na tabela, mas não a deixar a zona de rebaixamento.

Uma das peças utilizadas pelo preparador físico Tulio Flores, que estava no comando a beira do gramado, foi o meio-campista Christian, que entrou no intervalo do jogo com o time atrás do marcador.

“É uma sensação de alívio e felicidade. Conversamos muito no intervalo e sabíamos que a sequência mudaria. Temos um grupo forte. Fico muito feliz pela atuação da equipe no segundo tempo. Jogamos como Athletico. Se impondo na nossa casa. Com foco e confiança. Perseveramos e fomos felizes no fim da partida”, destacou o jogador.

Entrando no lugar de Khellven, o camisa 88 do Furacão esteve em campo no momento da virada, quando Renato Kayzer, nos acréscimos marcou o gol em Felipe Alves e decretou a vitória do Athletico na 20ª rodada do Campeonato Brasileiro.

“Acho que consegui cumprir o que foi me passado pelo Túlio. Procuro sempre jogar de forma vertical, para frente. Não posso pecar pela omissão, prefiro pecar por excesso. Quando vi que abriu eu arrisquei de longe. Foi por pouco. Na próxima entra”, exaltou o jogador que bateu uma bola na trave aos 26 minutos do segundo tempo, na partida contra a meta do Fortaleza.

O Athletico volta a campo no próximo fim de semana, no sábado, (14(, às 17h, para enfrentar o Goiás, fora de casa, em jogo válido pela 21ª rodada do Brasileiro.