Por Esporte Banda B

Bruno Mota elogiou novo treinador. (Divulgação/ Atlético)Bruno Mota elogiou novo treinador. (Divulgação/ Atlético)

O técnico Cristóvão Borges chegou ao Atlético em um momento de paralisação do Campeonato Brasileiro devido aos jogos das Eliminatórias para a Copa do Mundo. O treinador aproveitou o período e a equipe ficou trabalhando em concentração no CAT do Caju por cinco dias. Para o meia Bruno Mota, o tempo foi importante para jogadores e comandante se conhecerem.

“Foi um período muito bom. Ele (Cristóvão Borges) é uma pessoa bem tranquila e que vai nos ajudar muito neste final de temporada”, comentou Bruno Mota. “O Cristóvão sabe lidar com o grupo, conversa e orienta muito. Ele jogou também e entende muito o nosso lado”, acrescentou.

Já elogiando o novo treinador atleticano, Bruno Mota também acredita que Cristóvão será importante na orientação aos jogadores mais jovens. “Ele tem ajudado muito. Sabe a hora de cobrar e a hora de conversar. Então, será importante para os mais novos. No meu caso, como é o primeiro ano no profissional, ele tem ajudado e dado dicas. Com certeza, vai colaborar com o grupo”, afirmou o meia.

E o tempo de trabalhos, além de servir para que o grupo e o novo treinador se conhecessem, também faz parte da preparação da equipe para a volta do Brasileirão, quarta-feira (14), contra o Cruzeiro, na Arena da Baixada. “Será um jogo muito difícil. A equipe do Cruzeiro é muito qualificada, mas temos que buscar a vitória. O Atlético é grande e em casa precisa vencer. Vamos ver o que o Cristóvão nos passará para neutralizar os pontos fortes do Cruzeiro”, projetou Bruno Mota.