Bruno Leite marcou o gol da vitória do Furacão (Miguel Locatelli/Athletico)

Autor do gol da vitória do Athletico sobre o Cianorte, por 1 a 0, no último domingo (10), o meia Bruno Leite comemorou o primeiro gol marcado como jogador profissional na sua carreira. Jogador de 28 anos saiu do banco de reservas no intervalo e foi responsável pelo triunfo da equipe do técnico Rafael Guanaes na última rodada da Taça Barcímio Sicupira Júnior.

“É uma emoção muito grande. Cheguei aqui com 14 anos e com o sonho de ser jogador profissional. Só tenho a agradecer ao clube pelas oportunidades e ao grupo por ter me ajudado a marcar”, disse o meio-campista em entrevista coletiva.

No entanto, o gol de Bruno Leite não foi o suficiente para o Furacão conquistar a classificação à semifinal do primeiro turno. De olho em uma história diferente na Taça Dirceu Krüger, o atleta projeta o mês livre de preparação para voltar forte na disputa. “Esperamos que seja melhor. Queremos classificar, vencer e disputar a final do campeonato”, finalizou o meia Bruno Leite.