O que era menos improvável, aconteceu. De melhor campanha geral a segundo colocado no grupo, essa foi a trajetória do Athletico na Copa Sul-Americana. Nesta quinta-feira (30), o Furacão mais uma vez jogou mal, pouco produziu e perdeu por 1×0 para o Sportivo Ameliano, na Ligga Arena.

Resultado que não só gera a segunda derrota consecutiva em casa, como também tira o time da liderança e o derruba para o segundo lugar do Grupo E, parando nos 12 pontos, um a menos que os paraguaios.

Agora, o Rubro-Negro terá que jogar o playoff do torneio continental contra um terceiro colocado da fase de grupos da Libertadores. O sorteio dos confrontos e do chaveamento está marcado para a próxima segunda-feira (3), em Luque, no Paraguai. O time atleticano terá pela frente o vencedor de um segundo colocado da Sul-Americana contra o terceiro da Libertadores.

Antes disso, no domingo (2), a equipe encara o Fortaleza, ás 18h30, no Castelão, pela sétima rodada do Brasileirão, que será retomado após duas semanas de paralização.

Athletico sofre na primeira etapa

O primeiro tempo começou bem movimentado, com os dois lados buscando o ataque. Mais aguerrido, o Sportivo Ameliano foi quem comandou os dez primeiros minutos, chegando mais vezes ao ataque e dando trabalho à defesa do Athletico, que esbarrava na marcação do adversário no meio-campo, nçao conseguindo chegar ao ataque.

Situaão que mudou a partir dos 27 minutos, quando o Furacão encaixou as jogadas em velocidade e, por cerca de dez minutos, pressionou o adversário, criando boas chances, com Pablo, Alex Santana e Cuello, mas esbarrando nas defesas de Rossi.

Aos 36, o Rubro-Negro chegou a balançar as redes. Em jogada rápida, Alex Santana escapou da marcação e na hora de invadir a área, a bola escapou um pouco e Pablo se antecipou e chutou para o gol, abrindo o placar. Mas o camisa 92 estava em posição de impedimento e a arbitragem acabou anulando o gol.

Erros custam caro

No segundo tempo, o Athletico voltou com uma postura mais agressiva e em menos de cinco minutos teve duas boas chances de gol, que não foram aproveitadas. Embora o empate fosse o suficiente para garantir o primeiro lugar, o técnico Cuca partiu para o tudo ou nada ao tirar Erick para colocar Mastriani.

Só que no primeiro lance após a troca, o Sportivo Ameliano aproveitou um vacilo da defesa para abrir o marcador. Aos 17, Vera roubou a bola de Esquivel e, dentro da área tocou para Torales, sozinho, de frente para o gol, só chutar na saída de Bento.

O lance mudou completamente o ambiente na Ligga Arena. Assim como foi contra o Danubio, após sofrer o gol, o Furacão se perdeu completamente em campo. Cuca mais uma vez repetiu erros, empilhou atacantes, mas o time não aproveitava as chances. Alex Santana perdeu duas chances incríveis na cara do gol.

Com o passar do tempo, a pressão da arquibancada foi aumentando, o nervosismo em campo era nítido e o Athletico não conseguiu buscar o empate, amargando o segundo lugar no grupo.

Ficha técnica

COPA SUL-AMERICANA
Grupo E – 6ª rodada

ATHLETICO 0x1 SPORTIVO AMELIANO

Athletico
Bento; Leo Godoy (Madson), Kaique Rocha, Thiago Heleno e Esquivel; Erick (Mastriani), Alex Santana (João Cruz) e Zapelli (Christian); Cuello, Canobbio e Pablo (Di Yorio). Técnico: Cuca

Sportivo Ameliano
Rossi; Julio Gonzalez, Francisco Baez, Juan Patiño, Thonas Gutierrez e Aldo Maiz (Zaracho); Luis Martinez, Abel Paredes, Alejandro Samudio (Fredy Vera) e Contrera (Richar Torales); Iván Valdez (Franco). Técnico: Pedro Sarabia

Local: Ligga Arena
Árbitro: Leandro Rey (ARG)
Assistente: Facundo Rodriguez (ARG) e Gisella Trucco (ARG)
VAR: Francisco Gilabert (CHI)
Gols: Richar Torales, 16 do 2º
Cartões amarelos: Madson (CAP); Contrera, Aldo Maiz, Rossi (AME)
Público total: 26.026
Renda: R$ 893.790,00

Canobio lamenta em Athletico x Sportivo Ameliano
Canobbio lamenta. Furacão joga mal, perde de ovo em casa e terá que jogar mais um mata-mata na Sul-Americana. Foto Geraldo Bubniak/AGB

Comunicar erro

Comunique a redação sobre erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página.

Athletico volta a tropeçar, perde para o Ameliano e vai para o playoff na Sul-Americana

OBS: o título e link da página são enviados diretamente para a nossa equipe.