Paulo André em entrevista coletiva após a derrota diante do Fluminense (Monique Vilela/Banda B)

A derrota para o Fluminense, foi a terceira seguida no Brasileirão, a segunda dentro da Arena da Baixada. Coube ao diretor de futebol do Athletico, Paulo André explicar o momento ruim que a equipe está passando no campeonato, coincidentemente, desde quando Dorival Júnior não esteve à beira do gramado, o rubro-negro não venceu.

“A presença do técnico na beira do gramado é fundamental. Ele passa sobriedade, liderança, experiência. Além disso, tem a percepção do vestiário, pode orientar os atletas de perto. Esperamos que ele possa voltar o quanto antes para nos ajudar no campeonato”, afirmou o dirigente.

Após um bom e empolgante início de campeonato, o Athletico caiu bruscamente de rendimento. Até o trabalho da comissão técnica começou a ser questionado, Paulo André rechaçou qualquer possibilidade de troca neste momento. “Nos estamos num ano muito atípico, tivemos um bom início de campeonato. Tivemos uma mudança de metodologia para assegurar o estilo de jogo do Athletico, aos poucos vamos melhorar. A atuação de hoje, foi muito melhor do que a de quarta-feira. Com jogos quarta e domingo, sem descanso e sem tempo para treinar,  fica difícil julgar o trabalho da comissão técnica”, comentou o ex-zagueiro Paulo André.

Dorival Júnior deve realizar novo teste para a Covid 19 ainda neste final de semana, caso o resultado seja negativo, o treinador pode comandar a equipe, que volta a campo, na próxima quarta-feira (26), às 19 horas, diante do São Paulo em partida válida pela 11ª rodada da Série A.