Foto: Divulgação

A Federação Paranaense de Ciclismo premiou no último sábado, 07 de setembro, em Curitiba, os atletas campeões em suas respectivas categorias no ano de 2018. Foram 52 premiados em cinco modalidades: Campeonato de Estrada e Pista, Mountain Bike Down Hill, XCM e XCO.

Um dos pontos altos da noite foi a homenagem que a Federação fez para o professor Adir Romeu, ex-técnico da Seleção Brasileira e um dos nomes mais representativos do ciclismo paranaense. “Preparamos uma festa para valorizar o ciclismo paranaense com a presença dos jovens atletas e de grandes nomes do ciclismo paranaense das últimas décadas”, disse o presidente da Federação, Eduardo Pereira.

Foto: Divulgação

A Federação Paranaense de Ciclismo foi fundada em 1953, sendo uma das entidades mais antigas do esporte paranaense. Além do foco nos atletas, treinadores, dirigentes e organizadores, a instituição também tem seu objetivo voltado em ações de cicloturismo, onde regiões no estado do Paraná estão sendo mapeadas com o desenvolvimento de rotas fomentando a economia local. O Plano cicloviário também é outro fator importante à segurança dos ciclistas tanto nas cidades, ciclovias quanto em rodovias de nosso estado, afirma Eduardo Pereira.

Foto: Divulgação

As Instituições públicas também tem seu papel importante no ciclismo paranaense, pois auxiliam no esporte construindo estruturas como pistas das diversas modalidades fomentando e coordenando o crescimento do ciclismo em todo o estado do Paraná.

Campeão da modalidade Montain Bike, categoria Master A2, Rudah Ferreira do Amaral destacou a inciativa da Federação. “O ciclismo é uma modalidade com grande história no esporte paranaense e valorizar e *destacar quem pratica e se dedica ao esporte é um reconhecimento * muito importante”, considera ele.