Formada com um grande número de atletas paranaenses, a seleção brasileira feminina de softbol conquistou uma inédita vaga para a Copa do Mundo sub-15, que acontecerá em outubro, no Japão. O Brasil obteve a classificação ficando em quarto lugar no Pan-Americano sub-15 da modalidade, disputado no Peru.

O softbol é um esporte que engatinha no Brasil. Para facilitar a compreensão, é possível dizer que o softbol é a versão do beisebol para as mulheres, com regras semelhantes, mas com mudanças no diâmetro da bola, nas dimensões do campo e no número de entradas (sete em vez de nove). Trazido para o país por imigrantes norte-americanos, acabou se tornando uma prática comum nas regiões com presença de egressos do Japão e seus descendentes.

Para conquistar a vaga na Copa do Mundo sub-15, a seleção brasileira lutou muito. Diante de países com muito mais tradição, o Brasil venceu Guatemala, Colômbia e Venezuela, e contou com a derrota do Peru para Porto Rico para carimbar o passaporte. Importante ressaltar que quase todas as jogadoras fizeram neste Pan a sua primeira competição internacional.

Seleção brasileira na Copa

A sede da Copa do Mundo sub-15 de softbol é o Parque Olímpíco Komazawa, construído para os Jogos Olímpicos de 1964, em Tóquio. Além da seleção brasileira, estão já classificados México, Estados Unidos, Porto Rico, Nova Zelândia, República Tcheca e Itália, além do Japão, anfitrião do torneio. Ao todo, serão 12 países que participarão do Mundial.

As meninas da seleção brasileira.
Na primeira competição da maioria das atletas, o Brasil garantiu vaga na Copa do Mundo. Foto: Divulgação/CBSS

Comunicar erro

Comunique a redação sobre erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página.

Com base paranaense, seleção brasileira de softbol conquista vaga na Copa do Mundo

OBS: o título e link da página são enviados diretamente para a nossa equipe.