Tite confirmou Marcelo na lateral e Fernandinho no meio. (Lucas Figueiredo/CBF)

A seleção brasileira tem mais um desafio em busca do hexacampeonato e encara a Bélgica para tentar a vaga na semifinal da Copa do Mundo. O Brasil vem embalado pela classificação sobre o México por 2 a 0, em sua melhor atuação até o momento, e encara uma dos times que mais geram expectativa de torcedores e jornalistas que acompanham o futebol internacional.

Confira abaixo todas as informações da partida desta sexta-feira (06), às 15h, em Kazan:

Escalação

A seleção brasileira mais uma vez não terá mistérios e o técnico Tite confirmou o retorno do lateral-esquerdo Marcelo na vaga de Filipe Luís. O camisa 12 saiu ainda no começo da partida contra a Sérvia e não estava 100% fisicamente nas oitavas de final diante do México.

“Conversei com o Marcelo e o Filipe Luís. Marcelo saiu por um problema clínico e não voltou por um problema físico no segundo jogo [contra o México]. Filipe Luís jogou muito nos dois jogos. Por critério, volta o Marcelo”, comentou Tite.

Outra mudança será a entrada de Fernandinho na vaga de Casemiro, que cumpre suspensão após levar o segundo cartão amarelo. O Brasil jogará com Alisson; Fagner, Thiago Silva, Miranda e Marcelo; Fernandinho; Paulinho, Philippe Coutinho, Willian e Neymar; Gabriel Jesus.

Capitão

O treinador brasileiro segue com o rodízio de capitães e o escolhido da vez foi o zagueiro Miranda. Ele já havia sido capitão da seleção brasileira na vitória por 2 a 0 sobre a Sérvia, pela última rodada da fase de grupos, e usará a braçadeira pela quinta vez sob o comando de Tite.

Pênaltis

A disputa de pênaltis é uma realidade caso Brasil e Bélgica termine empatado nos 120 minutos. Porém, Tite admitiu que não gosta das penalidades máximas. “Batida de pênalti é o cão, cara. Para mim, técnico, jogo de futebol não poderia terminar em penalidades máximas. Não vejo um atributo que te credencia. A gente treina, porque o pênalti é uma técnica desenvolvida de batida associada ao controle emocional”, comentou.

Fora da Copa do Mundo

O Brasil não contará mais com o lateral-direito Danilo até o final de sua participação na Copa do Mundo. A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) informou que o jogador sofreu lesão ligamentar no tornozelo esquerdo durante o último treinamento antes da partida e não se recuperará a tempo de jogar novamente no Mundial.

O adversário

A Bélgica tem dúvida na formação para enfrentar o Brasil e o técnico Roberto Martinez pode mudar a formação do 3-4-3 para o 3-5-2. Caso isso aconteça, o atacante Mertens perderá posição para o volante Fellaini, autor do segundo gol na vitória sofrida por 3 a 2 sobre o Japão. Outra possibilidade é a entrada de Chadli na vaga de Carrasco na ala-esquerda.

O técnico Roberto Martinez deve escalar a Bélgica com Courtois; Alderweireld, Kompany e Vertonghen; Meunier, De Bruyne, Witsel e Carrasco (Chadli); Mertens (Fellaini), Lukaku, Hazard.

FICHA TÉCNICA
BRASIL X BÉLGICA

Local: Kazan Arena, em Kazan (RUS).
Data: Sexta-feira, 06 de julho de 2018.
Horário: 15h (horário de Brasília).
Árbitro: Milorad Mazic (SRB)
Assistentes: Milovan Ristic (SRB) e Dali Djurdjevic (SRB).