(UEFA)

A Uefa promoveu nesta terça-feira, através de uma videoconferência, uma reunião com seus 55 membros associados e deixou uma “recomendação forte” para que a temporada 2019/2020 das ligas nacionais possam ser concluídas, após paralisação devido à pandemia do novo coronavírus.

Além disso, a Uefa ainda apresentou uma “variedade de opções de calendário” para que os campeonatos sejam finalizados. Apesar disso, a entidade comandada pelo esloveno Aleksander Ceferin entende que “podem haver alguns casos especiais” que se enquadrariam em futuras diretrizes criadas, porém sem dar maiores informações sobre como estas seriam aplicadas.

“A Uefa reuniu hoje (terça-feira) as 55 federações por videoconferência e apresentou uma atualização das opções analisadas pelos dois grupos de trabalho criados em meados de março. Uma variedade de opções de calendário foi apresentada, cobrindo partidas de seleções nacionais e de clubes”, informou a entidade em seu comunicado oficial.

“Houve uma forte recomendação dada para terminar as competições nacionais de elite e copas, embora se entenda que pode haver alguns casos especiais. Com isto em mente, a Uefa está atualmente desenvolvendo algumas diretrizes sobre a participação em suas competições de clubes, a fim de ajudar suas federações membro em caso de cancelamento de uma liga ou copa”, prosseguiu

A entidade que comanda o futebol europeu relatou ainda que trará novas atualizações, caso necessário, depois da conferência do Comitê Executivo da entidade, que ocorrerá nesta quinta-feira.

O financiamento das Associações Nacionais através do programa “HatTrick” da Uefa também foi discutido, com a entidade reiterando o seu compromisso de cumprir os pagamentos às federações membros conforme planejado.