Reprodução Estadão

Depois de sair perdendo por 1 a 0 neste sábado, o Manchester United contou com dois gols do espanhol Juan Mata para encaminhar um excelente triunfo de virada fora de casa, pela 19ª rodada do Campeonato Inglês. Mas, no último minuto, mesmo com um jogador a menos, o Leicester City marcou e arrancou um heroico empate por 2 a 2.

Com o decepcionante resultado, o Manchester United chegou aos 42 pontos. Está na vice-liderança agora com 13 de desvantagem para seu rival Manchester City, que também neste sábado goleou o Bournemouth por 4 a 0. Já o Leicester subiu para 27, na oitava posição.

Pressionado pela goleada do Manchester City mais cedo, o time de José Mourinho entrou em campo motivado, mostrando excelente movimentação – e troca de passes – entre Juan Mata, Lingard, Martial e Lukaku.

Criou, assim, boas oportunidades nos primeiros minutos. Logo aos quatro, após tabelar com Lukaku, Lingard arriscou e Schmeichel defendeu. Pogba também fez boa jogada aos sete, driblou dois marcadores e chutou forte, mas o goleiro novamente salvou.

Aos poucos, no entanto, o ritmo foi diminuindo. E, no melhor estilo que o levou à conquista da competição em 2015/2016, o Leicester abriu o placar aos 26: depois de escanteio do adversário, a equipe saiu em rápido contra-ataque, Ndidi lançou e Mahrez recebeu sozinho na entrada da área. O meia, então, deu um bom breque e um passe ainda melhor para Vardy bater colocado, sem chance para o goleiro De Gea.

O Leicester parecia ter o duelo controlado após abrir o placar. Mas, aos 39, o Manchester United contou com a sorte para chegar ao empate. Pela esquerda, Martial recebeu, cruzou e a bola sobrou livre para Lingard após desviar na defesa. De costas para o gol, o meia ajeitou e Mata bateu no canto, rasteiro, com precisão.

No segundo tempo, o Manchester United retomou o controle. E, se na etapa inicial não aproveitou a pressão, desta vez chegou ao gol novamente com Mata, aos 15, em precisa e colocada cobrança de falta. A bola passou pela barreira e entrou no alto, não tão no canto, mas o suficiente para tirar Schmeichel do lance.

Mesmo em vantagem, o vice-líder manteve a superioridade. E perdeu gol incrível aos 26, quando Lingard recebeu na área, driblou o goleiro e acertou a trave. Expulso cerca de 15 minutos depois de entrar em campo, Amartey deixou a situação ainda mais difícil para o Leicester.

E, já aos 49, após o Manchester United desperdiçar chances sucessivas, o zagueiro Maguire recebeu cruzamento nas costas da defesa e, sozinho, sem qualquer marcação, desviou para as redes e decretou o heroico empate.