Daniel Dutra da Silva. (João Pires/Fotojump)

Curitiba recebe entre os 12 e 18 de outubro o Brasil Tennis Classic. As partidas acontecerão no Clube Curitibano, mas não terão a presença do público, seguindo as normas de segurança do Governo do Paraná. A competição vale pontos para o ranking da Confederação Brasileira de Tênis (CBT) e tem premiação total de R$ 20 mil.

Os principais favoritos ao título são Daniel Dutra Silva, que conquistou 23 títulos de nível future e foi campeão da etapa de Recife do Brasil Tennis Classic, e João Pedro Sorgi, que já representou o Brasil na Copa Davis. Além deles, várias promessas também estarão no torneio, como Pedro Boscardin, que disputou a chave juvenil de Roland Garros, e Márcio Silva, que disputou o seu primeiro torneio como profissional em Curitiba no ano passado.

Medidas de segurança

Além da ausência do público, a direção do torneio criou um rígido protocolo de segurança para evitar casos de Covid-19. “Este é o segundo torneio que realizamos neste processo de retomada das competições no Brasil. Tivemos uma execução perfeita há duas semanas com nenhum caso registrado entre todas as pessoas envolvidas no evento. Repetiremos o mesmo rigor em Curitiba e adequaremos todos os protocolos de responsabilidade sanitária e social, estabelecidos pelas autoridades do estado e município”, explicou Danilo Marcelino, diretor do torneio.

Confira os inscritos:

Daniel Dutra Silva
Oscar Gutierrez
João Pedro Sorgi
Igor Marcondes
Enrique Bogo
Eduardo Ribeiro
Gabriel Ciro da Silva
Fernando Yamacita
Christian Oliveira
Laelson Rodrigues
Bruno Figlia
Marcio Silva
Pedro Boscardin
João Giannella
Paulo André Saraiva
Caio Gruber
Luis Henrique Britto
Eduardo Almeida
Gustavo Lavandoski
Ighor Reis
Mateo Reyes
Kauã Gava
João Schiessl
Matheus Lima
João Loureiro