(Adolfo Pegoraro)

O São José dos Pinhais Futsal/Master Cargas por pouco não voltou para casa com um bom resultado de Francisco Beltrão. Na noite desta quarta-feira (10), o time são-joseense teve uma boa atuação, encarou o Marreco Futsal de igual para igual, mas, no detalhe, perdeu por 7×5, no Ginásio Arrudão e a chance de subir na classificação da Série Ouro do Campeonato Paranaense de Futsal.

A equipe tricolor, pela Série Ouro, volta à quadra na terça-feira que vem para encarar o São Lucas, em Paranavaí. Antes disso, o São José dos Pinhais Futsal/Master Cargas tem pela frente a etapa decisiva da fase regional da Divisão B dos Jogos Abertos a partir desta sexta-feira na cidade de Campo Largo.

Mesmo jogando fora de casa, o São José dos Pinhais Futsal/Master Cargas foi logo marcando. Na saída de bola, o time são-joseense precisou de dez segundos para marcar com Leanderson. Mas não deu tempo para comemoração. O Marreco Futsal respondeu um minuto mais tarde e Juninho empatou. Na sequência, o próprio Juninho ampliou para o time beltronense.

Aproveitando o momento de instabilidade do São José dos Pinhais Futsal/Master Cargas, o Marreco Futsal aproveitou para fazer o terceiro gol com Sinoê. Mas o time são-joseense não se entregou. Seguiu jogando de igual para igual e conseguiu o segundo gol com Luan, aproveitando o rebote do goleiro Carlos.

Ainda no primeiro tempo, o São José dos Pinhais Futsal/Master Cargas equilibrou sua marcação, praticamente não sofreu mais pressão do Marreco e conseguiu criar boas chances de empatar ainda na etapa inicial. No entanto, o goleiro Carlos e a falta de pontaria da equipe tricolor impediram a igualdade.

Na etapa final, foi a vez do Marreco Futsal marcar antes do primeiro minuto. Juninho, marcou o quarto dos donos da casa. O São José dos Pinhais Futsal/Master Cargas não se entregou e reagiu logo depois. Luan, um dos destaques da noite, aproveitou cobrança de falta de Leanderson e marcou o terceiro.

O time são-joseense cresceu no jogo e o gol de empate não demorou para sair. Na saída errada do Marreco, Maiquinho Apodi interceptou o passe e a bola entrou no canto superior do goleiro Carlos. Só que mais uma vez não deu muito tempo para comemorar. Na sequência, no lançamento do goleiro Carlos, Erickson desviou de cabeça e venceu o goleiro Abner.

O São José dos Pinhais Futsal/Master Cargas, mesmo em desvantagem, seguiu jogando para cima em busca da igualdade. Pelo menos quatro grandes chances foram criadas, mas o time são-joseense parou nas boas defesas do goleiro Carlos e na pontaria pouco afiada dos seus atletas.

O Marreco, então, chegou ao sexto gol em um erro da arbitragem, que marcou toque no braço de Luan na área e anotou a penalidade. A bola, no entanto, bateu no quadril do jogador são-joseense. Na cobrança, Sinoê marcou para os donos da casa. Pulga, então, entrou na função de goleiro-linha.

A pressão do São José dos Pinhais Futsal/Master Cargas aumentou. Pelo menos duas boas chances foram criadas, mas quem marcou foi Canabarro para o Marreco Futsal, chutando de longe. Ainda no final, Luan chutou forte, marcou o quinto gol tricolor, mas não foi suficiente para evitar a derrota apesar da boa atuação em Francisco Beltrão.