Pato conquista a Liga Futsal pelo segundo ano seguido. (Maurício Moreira)

O Pato é bicampeão da Liga Futsal. Mesmo jogando fora de casa e com a vantagem do empate, o time paranaense deu show e goleou o Sorocaba por 6 a 0. Os gols da vitória na segunda partida da final foram marcados por Denner, William Peru, Di Maria, duas vezes, Jhow e Lucas (contra).

Com o título, o Pato atinge um feito raro de ganhar dois títulos seguidos da Liga Futsal. Os outros times que conseguiram foram Ulbra (2002-2003), Jaraguá (2007-2008) e Intelli (2012-2013)

O jogo

A vantagem conquistada no jogo da ida com a vitória por 3 a 2 deixou o Pato com a possibilidade de jogar pelo empate. Mesmo assim, o time paranaense não tomou conhecimento do adversário e abriu quatro gols de vantagem ainda no primeiro tempo. Logo aos dois minutos de jogo, Jhow cobrou falta ensaiada e deixou Denner de frente para o gol. O camisa 20 teve muita calma para chutar com a perna esquerda para o fundo das redes. Já aos nove, Neguinho armou rápido contra-ataque e tocou para William Peru marcar o segundo.

Mesmo com a vantagem, o Pato seguiu com a marcação forte e marcou o terceiro após uma roubada de bola no campo de ataque. Di Maria tabelou com Neguinho, ganhou a dividida com o goleiro Lucas e deixou o dele.

Com o placar desfavorável, o Sorocaba colocou Danilo Baron como goleiro linha antes do intervalo. Mas quem marcou novamente foi o Pato. Na reta final do primeiro tempo, Djony fez longo lançamento para a área adversária, o goleiro Lucas tentou afastar e marcou contra.

Para o começo do segundo tempo, o Sorocaba trocou de goleiro com a entrada de Kelvin por Lucas. E com apenas um minuto, o técnico Ricardinho colocou Leandro Lino como goleiro linha. Com um jogador a mais para atacar, o time paulista colocou a bola na trave em duas oportunidades, mas não conseguiu furar a defesa do Pato.

No momento em que o Sorocaba pressionava, o Pato aproveitou para marcar mais duas vezes. Djony fez um longo passe para Di Maria, que ganhou a dividida com Leandro Lino e apenas colocou a bola no fundo das redes. Já o sexto foi marcado por Jhow, que interceptou o passe e finalizou rasteiro para confirmar o título.