Ginásio Ney Braga ficou lotado para Marechal Cândido Rondon x Atlântico. (Carina Ribeiro/LNF)

O Marechal Cândido Rondon empatou em 1 a 1 com o Atlântico Erechim e terá que vencer fora de casa para garantir a classificação para a final da Liga Futsal. O jogo de volta acontece no próximo sábado (24), às 13h30 (horário de Brasília), no Caldeirão do Galo, em Erechim.

Com o apoio da torcida no Ginásio Ney Braga, o Marechal Cândido Rondon abriu o placar com Jhonny. Na cobrança de tiro livre, o camisa 14 cobrou rasteiro, o goleiro Careca tentou tirar com a perna, mas a bola passou por debaixo de suas pernas.

Ainda no primeiro tempo, o Atlântico empatou na ‘mesma moeda’. Café, um dos artilheiros da Liga Futsal, marcou no tiro livre.

“Não era o resultado que nós queríamos, mas a gente sabe da capacidade do Atlântico. Está em aberto ainda. Assim como foi com o Carlos Barbosa, o confronto está em aberto e vamos jogar para ganhar lá. Vamos tentar ganhar o jogo e ver como será o confronto entre Pato e Sorocaba. O grupo está fechado e temos uma semana para trabalhar”, afirmou o ala/pivô Vilian, do Marechal Rondon, em entrevista à Banda B.

O empate obriga o Marechal Cândido Rondon a vencer a partida de volta na próxima semana. Se empatar novamente no tempo normal, o time paranaense terá que ganhar na prorrogação para seguir na competição. O Atlântico joga pelo empate no tempo extra por ter a melhor campanha na competição.

Já a outra semifinal é entre Pato e Sorocaba. O primeiro jogo terminou empatado em 3 a 3, no interior de São Paulo, e a volta acontece no próximo domingo (25), às 12h30 (horário de Brasília).