Curitiba Vôlei tem partida adiada. (Divulgação/Curitiba Vôlei)

A Superliga Feminina teve seu primeiro jogo adiado por conta da Covid-19. Os jogos do Sesc/Flamengo contra o Curitiba Vôlei, no sábado (21), e o Fluminense, na terça-feira (24) foram adiados por conta de cinco casos positivos do novo coronavírus no time carioca. O regulamento da competição fala em adiamento de jogos em caso de pelo menos quatro jogadoras positivadas.

“O Clube de Regatas do Flamengo informa que os jogos do Sesc/Flamengo contra Curitiba (21) e Fluminense (24), válidos pela Superliga, foram adiados por conta de cinco casos de Covid-19 no elenco (Ana Cristina, Fabíola, Lorenne, Natinha e Roberta)”, informou o clube carioca.

Nos últimos dias, três jogadoras do Sesc/Flamengo testaram positivo para a Covid-19: a levantadora Fabíola e as centrais Roberta e Sabrina. E nesta quinta-feira (19), a ponteira Ana Cristina e a líbero Natinha também foram diagnosticadas com a doença.

Para ajustar a tabela com o adiamento, o jogo do primeiro turno, que seria no Rio de Janeiro, agora será em Curitiba, no dia 15 de dezembro. Já o jogo do returno será em 19 de janeiro de 2021.