Renan Lodi e Bruno Guimarães estão na mira da seleção olímpica. (Geraldo Bubniak/AGB)

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) analisa aproximadamente 40 nomes pensando na disputa dos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020. De acordo com o Globoesporte.com, dois dos jogadores que estão na mira da entidade são o lateral-esquerdo Renan Lodi e o volante Bruno Guimarães, ambos do Athletico.

Outros jogadores observados pela CBF são o goleiro Ivan, da Ponte Preta, o lateral-direito Guga, do Atlético-MG, o lateral-esquerdo Iago, do Internacional, o meia Matheus Henrique, do Grêmio, e o atacante Antony, do São Paulo.

O primeiro torneio preparatório para a Olimpíada de 2020 será o Torneio de Toulon, que reúne jogadores com até 21 anos. A competição realizada entre os dias 1º e 15 de junho, na França, servirá como base para o Pré-Olímpico, que deve acontecer em janeiro do ano que vem.

Campeão olímpico

O Athletico teve um jogador no elenco que conquistou a medalha de ouro inédita nos Jogos Olímpicos de 2016. Após o corte de Fernando Prass, o goleiro Weverton, então no Rubro-Negro, foi convocado de última hora. Ele foi titular em todos os jogos e defendeu um pênalti na final contra a Alemanha.