Durval Nunes, o Duda, vai treinar o Curitiba Vôlei. (Divulgação/Minas)

O Curitiba Vôlei já está trabalhando forte nos bastidores para a próxima temporada na Superliga. Técnico desde o início do projeto, Clésio Prado deixa a equipe após dois anos e será substituído por Durval Nunes, o Duda, atualmente auxiliar técnico do italiano Stefano Lavarini no Minas. Já a assistente Tatiana Ribas continua na comissão.

Em relação ao time, o Curitiba renovou com cinco jogadoras: a levantadora Mari Galón, as centrais Mari Aquino e Valeskinha e as opostas Talia e Sabrina Machado. A ideia da diretoria é renovar contrato com mais jogadoras do elenco da temporada passada.

Outra novidade, já adiantada na Banda B, é a renovação de contrato do Curitiba Vôlei com o Grupo Positivo. Com isso, a equipe jogará mais uma temporada no Ginásio da Universidade Positivo e ainda terá todo o suporte de profissionais e estudantes de educação física, medicina, fisioterapia, psicologia e nutrição.

Os 12 participantes da temporada 2019-2020 da Superliga Feminina já estão definidos. Além do Curitiba, Minas, Praia Clube, Sesc-RJ, Osasco, Barueri, Sesi/Bauru, Fluminense, Pinheiros, São Caetano, Valinhos e Flamengo estão na elite.