Curitiba Vôlei perdeu em casa para o Fluminense. (Diego Wladyka/Curitiba Vôlei)

O Curitiba Vôlei perdeu em casa para o Fluminense por 3 sets a 1, com parciais de 20-25, 25-16, 25-22 e 25-18. Com o resultado, o time curitibano caiu para a 9ª colocação, com 11 pontos, e não depende mais de si para garantir uma vaga na Copa do Brasil, torneio que reúne os oito melhores do primeiro turno.

“O primeiro set, por mais que a gente tenha ganho, teve sete erros de saque. O Fluminense, por mérito, conseguiu se ajustar em cima dos nossos erros. Foram 35 erros durante os quatro sets. Se olhar a quantidade de erros, foram mais de 15 pontos de diferença e aí fica bem difícil”, afirmou o técnico Durval Nunes, o Duda, em entrevista à Banda B.

Para garantir uma vaga na Copa Brasil, o Curitiba Vôlei precisa vencer o São Paulo/Barueri, na próxima terça-feira (14), às 19h30, em Barueri, e ainda torcer por uma derrota de seus concorrentes. O Pinheiros, atual sétimo colocado, com 12 pontos, encerra a participação no turno já neste sábado, às 19h, contra o mesmo São Paulo/Barueri. Já Fluminense, oitavo colocado, e Flamengo, 10º, fazem o clássico carioca na terça-feira, às 20h.

O técnico do Curitiba destacou o equilíbrio entre os times que disputam as últimas vagas para os playoffs e admitiu que é difícil depender da vitória contra um dos favoritos. “Foram quatro vitórias e uma derrota nos tirou da zona. A briga nesse escalação é muito acirrada e tem que esperar até a última rodada para ver. Mas é bem complicado precisar do resultado no último jogo contra o São Paulo/Barueri”, disse.