Curitiba Vôlei perdeu a terceira seguida na Superliga. (Diego Wladyka/Curitiba Vôlei)

Jogando no Ginásio da Universidade Positivo, o Curitiba Vôlei não foi páreo para o Osasco/Audax, um dos favoritos ao título, e perdeu por 3 sets a 0, com parciais de 25-19, 25-23 e 25-14. Com a derrota, o time curitibano segue sem vencer na Superliga e sequer ganhou um set nos três jogos disputados.

“Nós conseguimos manter o que venho insistindo muito que é a qualidade no primeiro toque. Para jogar contra as equipes grandes, a gente precisa andar com a bola mais próxima. Conseguimos ter dois sets lá em cima e um terceiro de novo a gente deu aquela segurada. Isso já tinha acontecido no jogo com o Rio”, avaliou o técnico Durval Nunes, o Duda, em entrevista à Banda B.

Em quadra, a principal jogadora do Curitiba foi a oposta Sara Dias, que terminou a partida com 17 pontos. “Fico muito feliz porque fiz a minha parte, mas ainda dá para melhorar. Algumas bolas eu podia ter trabalho e ataquei no meio do bloqueio. A minha intenção é ser buscar o melhor para ajudar a minha equipe”, afirmou.

O Curitiba Vôlei agora se prepara para uma sequência de três jogos longe de casa. Os dois primeiros serão contra Minas e Praia Clube, os finalistas da última Superliga, e o último será diante de Valinhos, que ainda também não ganhou no torneio.